REFLEXÃO SOBRE A ATUAÇÃO EM POLÍTICAS PÚBLICAS NO ENSINO DE LÍNGUA INGLESA

Maria Valésia Silva da Silva, Marcia Zambon Farias

Resumo


O presente artigo tem como objetivo refletir sobre as Políticas Públicas de que as autoras participaram, participam e que de estarão participando em breve, na área de ensino de Língua Inglesa. Com vistas a responder ao desafio de promover a formação continuada com maiores oportunidades para professores de Inglês como língua estrangeira e internacionalizar a produção acadêmica, algumas políticas de formação de professores têm sido implantadas, a fim de que esses objetivos sejam alcançados. Algumas com foco em professores em formação e outras de formação continuada. Neste artigo, são relatadas as atividades desenvolvidas na REGESD (Rede Gaúcha de Ensino a Distância), no PDPI (Programa de Desenvolvimento Profissional para Professores de Língua Inglesa), no PIBID (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência), sua evolução para a Residência Pedagógica, no Programa ETA (English Teaching Assistant), bem como alguns resultados observados durante o processo. Os referidos projetos têm diferentes objetivos, mas contribuem sensivelmente para o desenvolvimento dos professores de Língua Inglesa, acadêmicos de Letras-Inglês, e consequentemente, podem colaborar para a melhoria do ensino de Língua Inglesa no país.

Palavras-chave


Políticas Públicas; Formação Continuada; REGESD; PDPI; PIBID/UCS; Residência Pedagógica; ETA/UCS

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22410/issn.1983-0882.v14i3a2017.1733

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Maria Valésia Silva da Silva

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Tradução automática: