Corpos en cena: o teatro como processo colaborativo de criação

Imagem em miniatura
Data
2016-08
Autores
Schneider, Cristiane
Título do periódico
ISSN
Título do Volume
Editor
Resumo
O teatro como processo colaborativo de criação integra esta dissertação do Programa de Mestrado em Ensino, do Universidade do Vale do Taquari Univates e apresenta um estudo sobre o teatro na escola, percebendo-o como uma experiência que ultrapassa as fronteiras da aprendizagem do fazer teatral. Ao compreender o teatro como uma fissura na forma tradicional de aprender, ele torna-se um “parêntese” no qual os sujeitos podem expressar-se de forma criativa. Desse modo, o presente estudo volta-se para o processo de criação realizado por um grupo de jovens que participa de oficinas de teatro numa escola de ensino privado de Lajeado/RS. Inicialmente, busca-se uma revisão bibliográfica acerca da relação entre teatro e escola, a partir de pressupostos teóricos que se fundamentam em Brook (2002), Spolin (2007), Stanislavski (2001), Schechner (2010), Icle (2010), Pereira (2010), entre outros. A fim de se aproximar desses processos, recorre-se ao diário de campo, às imagens e filmagens que possibilitaram registrar e analisar as observações realizadas nos encontros com esse grupo. Ao finalizar o estudo, avalia-se que o teatro na escola assume a função de formador e provocador de múltiplas experiências que envolvem a reflexão acerca das múltiplas tramas históricas, políticas e sociais que constituíram e constituem o teatro, a criação de diferentes práticas teatrais, bem como a possibilidade de afirmação das potencialidades artísticas dos envolvidos no fazer teatral.
Drama as a collaborative process of creation is part of Univates Master´s Program in Education and introduces a study about drama in school, perceiving it as an experience that goes beyond the learning process of doing theater. Once the understanding of drama as a breach in the traditional format of learning takes place, it becomes a deflection where one is allowed to creatively express themselves. Therefore the present study explores the creation process achieved by a group of young students from a private school in Lajeado/RS who attended workshops. At first, based on the theoretical postulates from Brook (2002), Spolin (2007), Stanislavski (2001), Schechner (2010); Icle (2010); Pereira (2010), among others, a bibliographic review was intended. In order to get closer to these developments, field reports have been adopted, as well as images and shootings for better register all the observations held in these encounters. After assessing the study conducted, the conclusion is that drama classes in schools play several important roles, such as provider and contributor of multiple life experiences implicating reflection upon several historic, political and social plots which have comprised dramaturgy (theater), the creation of distinct theatrical practices, as well as the possibility of artistic aptitudes assurance for those enticed in the performing process.
Descrição
Palavras-chave
Teatro, Escola, Processo de criação
Citação
SCHNEIDER, Cristiane. Corpos en cena: o teatro como processo colaborativo de criação. 2015. Dissertação (Mestrado) – Curso de Ensino, Universidade do Vale do Taquari - Univates, Lajeado, 10 nov. 2015. Disponível em: http://hdl.handle.net/10737/1056.
Coleções