A estratégia de Criação de Valor Compartilhado na atividade vitivinícola orgânica: um estudo de caso da Cooperativa Vinícola Garibaldi Ltda

Imagem em miniatura
Data
2016-09
Autores
Britto, João Carlos
Título do periódico
ISSN
Título do Volume
Editor
Resumo
O modelo de negócios dominante, no qual as empresas perseguem unicamente o lucro, sem se preocupar com as externalidades negativas geradas a partir de sua atividade econômica está em crise. Cada vez mais pessoas se engajam em causas sociais, e posicionam-se contrárias às empresas que causam danos ao meio ambiente. Concomitantemente a este movimento social, ganham força os modelos de desenvolvimento sustentáveis e novas teorias, ainda incipientes, têm surgido no cenário educacional. Uma destas é a proposição de estratégias que criem valor compartilhado, proposta por Porter e Kramer (CVC), denominada também de “a grande ideia”. Esta proposta teórica foi lançada no início do ano de 2011, e apresentada no auditório principal do Fórum Econômico de Davos, na Suíça, no final de 2011. Sua proposição é de que os ganhos das atividades empresariais sejam compartilhados, de maneira que ganhos econômicos gerem ganhos socioambientais de maneira concomitante. Para tanto, os autores desenvolveram três maneiras de conformar a estratégia com vistas ao compartilhamento, a saber: reconcepção de produtos e mercados, fomento a estruturação de clusters industriais, e redefinição da produtividade na cadeia de valor. Ao mesmo tempo, o movimento cooperativo assume sua responsabilidade referente a sustentabilidade empresarial, baseada nos três pilares econômico, social e ambiental. Neste interim, as cooperativas, a partir de seus valores e valores de seus dirigentes parecem ser organizações com modelos de negócios propícios ao compartilhamento. A problemática a ser resolvida se dá a partir dos seguintes questionamentos: existe uma relação entre as estratégias em curso, da Cooperativa Vinícola Garibaldi com relação à produção e comercialização de sucos e vinhos orgânicos, e o modelo de Criação de Valor Compartilhado? Como ocorrem os ganhos econômicos, sociais e ambientais a partir da estratégia adotada pela Cooperativa? De que modo se dá o compartilhamento destes ganhos entre a cooperativa e seus cooperados? Como objetivo geral tem-se: O objetivo geral desta pesquisa é analisar a relação existente entre as estratégias adotadas pela Cooperativa Vinícola Garibaldi Ltda., no que diz respeito à produção e comercialização de vinhos e sucos produzidos a partir de uvas orgânicas, e o modelo da estratégia de Criação de Valor Compartilhado. Para atender ao proposto, realizou-se pesquisa classificada como exploratória. Quanto aos meios, foi utilizado o estudo de caso, com realização de entrevistas, observação e análise documental, tendo se valido de triangulações entre a teoria, as entrevistas com os sujeitos da pesquisa, os documentos e as observações. Quanto ao método de abordagem do problema, o estudo foi qualitativo. Após realizadas as análises do material coletado, foi possível constatar que a Cooperativa adotou uma estratégia que cria valor econômico com a atividade de orgânicos, ao mesmo tempo em que gera valor social e ambiental, confirmando assim a proposição teórica. A partir do estudo, propõe-se hipóteses para serem testadas em estudos futuros.
The dominant business model, in which companies only pursue profit, without worrying about the negative externalities generated from its economic activity is in crisis. More and more people engage in social causes, and position themselves contrary to the companies that damage the environment. Concurrently with this social movement, gain strength sustainable development models and theories, still incipient, have emerged in the educational setting. One of these is the proposition of strategies that create shared value, proposed by Porter and Kramer (CVC), also called "the great idea". This theoretical proposal was launched at the beginning of 2011, and presented in the main auditorium of the Davos Economic Forum in Switzerland in late 2011. His proposition is that the business activities of the gains are shared, so that generate economic gains social and environmental gains concomitantly. For this, the authors developed three ways of forming a strategy to share views, namely: redesign of products and markets, fostering the structuring of industrial clusters, and redefining productivity in the value chain. At the same time, the cooperative movement takes its responsibility related to corporate sustainability, based on the three economic, social and environmental pillars. In the interim, cooperatives, from their values and values of its leaders appear to be organizations with business models conducive to sharing. The problem to be solved is given from the following questions: Is there a relationship between the current strategies of the Cooperative Winery Garibaldi regarding the production and marketing of organic juices and wines, and Creating Shared Value model? Occur as the economic, social and environmental benefits from the strategy adopted by the Cooperative? How is it gives the share of these gains between the cooperative and its members? As a general goal we have: The general objective of this research is to analyze the relationship between the strategies adopted by the Winery Cooperative Garibaldi Ltda, with regard to the production and marketing of wines and juices produced from organic grapes, and the model. of Creating Shared Value strategy. To meet the proposed research was conducted classified as exploratory. As for the means, the case study was used with interviews, observation and document analysis, having resorted to triangulations between theory, interviews with the subjects, documents and notes. The approach to the problem of the method, the study was qualitative. After conducted analyzes of the collected material, it was found that the Cooperative has adopted a strategy that creates economic value with organic activity, while generating social and environmental value, thus confirming the theoretical proposition. From the study, it is proposed hypotheses to be tested in future studies.
Descrição
Palavras-chave
Estratégia, Criação de Valor Compartilhado, Valores pessoais e organizacionais, Sustentabilidade, Cooperativa vitivinícola
Citação
BRITTO, João Carlos. A estratégia de Criação de Valor Compartilhado na atividade vitivinícola orgânica: um estudo de caso da Cooperativa Vinícola Garibaldi Ltda. 2016. Monografia (Doutorado) – Curso de Ambiente e Desenvolvimento, Universidade do Vale do Taquari - Univates, Lajeado, 11 maio 2016. Disponível em: http://hdl.handle.net/10737/1103.