Use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10737/1601
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorPires, Karen Daniela-
dc.date.accessioned2017-07-21T18:02:03Z-
dc.date.available2017-07-21T18:02:03Z-
dc.date.issued2017-07-
dc.date.submitted2016-12-20-
dc.identifier.citationPIRES, Karen Daniela. "O trabalho escravo e suas implicações na paisagem urbana e rural de Taquari, Estrela e Santo Amaro/RS - final do século XIX". 2016. Dissertação (Mestrado) – Curso de Ambiente e Desenvolvimento, Universidade do Vale do Taquari - Univates, Lajeado, 20 dez. 2016. Disponível em: <http://hdl.handle.net/10737/1601>. pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10737/1601-
dc.description.abstractPassado mais de cento e cinquenta anos da abolição da escravatura no Brasil, cientistas trazem à tona novos documentos e interpretações acerca desse processo tão nocivo às historicidades de uma nação. Por muitos anos, a historiografia regional no Vale do Taquari, porção central do Rio Grande do Sul, ocultou e rechaçou aspectos da identidade de um grupo social. Essa invisibilidade resulta em uma lacuna histórica danosa. Neste sentido, inserem-se os municípios de Taquari/RS, Estrela/RS e Santo Amaro/RS, onde o trabalho escravizado se fez presente no século XIX. O recorte temporal desta pesquisa corresponde aos anos de 1857 a 1890. Com isso, objetiva-se analisar o processo abolicionista e o pós-emancipacionista a fim de compreender as relações do trabalho escravizado, a ocupação e manejo de novos espaços pelo negro liberto nos municípios de Taquari, Estrela e Santo Amaro. A metodologia segue uma abordagem quali-quantitativa, de pesquisa documental e de análise de conteúdo, de acordo com Sampieri et al. (2013) e Bardin (2011). Como resultados, constatou-se os registros de cartas de alforrias, as atividades desempenhadas por alguns escravizados, a comercialização da mão de obra, as designações de cor e origem e as publicações do jornal O Taquaryense relacionadas ao abolicionismo e ao pós-emancipação. Percebeu-se com isso a existência da escravidão nos municípios analisados, bem como o posicionamento do periódico perante às questões abolicionistas, as condições de aquisição da liberdade, as alforrias condicionais e as incondicionais, as relações de trabalho e as possibilidades de ocupação de novos espaços pelos libertos depois da promulgação da Lei Áurea. Concluiu-se que a pesquisa contribuiu principalmente para que se conhecesse e nomeasse os escravizados, permitindo assim a visibilidade destes sujeitos sociais.pt_BR
dc.description.abstractMore than a hundred and fifty years after the slavery abolition in Brazil, scientists bring to light new documents and interpretations about this process so harmful to the historicities of a nation. For many years, regional historiography in the Taquari Valley, central portion of Rio Grande do Sul, concealed and rejected aspects of the identity of a social group. This invisibility results in a damaging historical gap. In this sense, we include the municipalities of Taquari/RS, Estrela/RS and Santo Amaro/RS, where the enslaved work was present in the 19th century. The temporal cut of this research corresponds to the years from 1857 to 1890. The purpose of this study is to analyze the abolitionist process and the post-emancipationist process in order to understand the relations of enslaved labor, occupation and management of new spaces by the freed black people in the municipalities of Taquari, Estrela and Santo Amaro. The methodology follows a qualitative and quantitative approach, of documentary research and content analysis, according to Sampieri et al. (2013) and Bardin (2011). As results, we have the records of letters of manumission, the activities carried out by some of the enslaved, the commercialization of labor, the color and origin designations, and the publications of the newspaper O Taquaryense related to abolitionism and post-emancipation. The existence of slavery was noticed in the municipalities analyzed, as well as the position of the newspaper in the face of the abolitionist issues, the conditions for acquiring liberty, conditional and unconditional manumission, labor relations and possibilities of occupation of new spaces by freed man after the promulgation of the Golden Law. It was concluded that the research contributed mainly to the knowledge and naming of the enslaved, thus allowing the visibility of these social subjects.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsopenAccesspt_BR
dc.subjectEscravidãopt_BR
dc.subjectLiberdadept_BR
dc.subjectTrabalhopt_BR
dc.subjectPaisagempt_BR
dc.subjectVale do Taquaript_BR
dc.titleO trabalho escravo e suas implicações na paisagem urbana e rural de Taquari, Estrela e Santo Amaro/RS - final do século XIXpt_BR
dc.typemasterThesispt_BR
mtd2-br.advisor.instituationUniversidade do Vale do Taquari UNIVATESpt_BR
mtd2-br.advisor.latteshttp://lattes.cnpq.br/6666207712034183pt_BR
mtd2-br.author.latteshttp://lattes.cnpq.br/1951441837444445pt_BR
mtd2-br.program.namePPGAD;Ambiente e Desenvolvimentopt_BR
mtd2-br.advisor.nameMachado, Neli Teresinha Galarce-
mtd2-br.co-advisor.nameMagalhães, Magna Lima-
bdu.cnpq.areaCBpt_BR
bdu.contributor.evaluatorMachado, Neli Teresinha Galarce-
bdu.contributor.evaluatorMagalhães, Magna Lima-
bdu.contributor.evaluatorCyrne, Carlos Cândido da Silva-
bdu.contributor.evaluatorDalmáz, Mateus-
bdu.contributor.evaluatorChristillino, Cristiano Luis-
Appears in Collections:Ambiente e Desenvolvimento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016KarenDanielaPires.pdf3,87 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons