Use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10737/1905
Title: A inclusão de libras no currículo da Educação Infantil da escola regular: uma proposta possível?
Authors: Werle, Marluce Maria
Keywords: Libras;Currículo;Educação Infantil;Escola regular
Date of Defense: 29-Nov-2017
Issue Date: Feb-2018
Citation: WERLE, Marluce Maria. A inclusão de libras no currículo da Educação Infantil da escola regular: uma proposta possível?. 2017. Artigo (Graduação) – Curso de Letras, Universidade do Vale do Taquari - Univates, Lajeado, 29 nov. 2017. Disponível em: http://hdl.handle.net/10737/1905.
Abstract: A Educação Infantil, primeira etapa da Educação Básica, deve explorar diversas habilidades, entre elas as linguagens. Nessa faixa etária, as crianças começam a aprender a língua materna, pronunciando as primeiras palavras e comunicando-se com os outros. Atualmente, muitas escolas de Educação Infantil já oferecem a língua inglesa em seus currículos, o que é altamente positivo, pois aproxima as crianças de conhecerem uma nova língua, ou seja, uma nova forma de comunicação. Sendo a língua de sinais uma outra língua, por que não a oferecer também? Não se estaria, dessa forma, facilitando a inclusão de alunos surdos no ensino regular? E, da mesma maneira, não se estaria também desenvolvendo a cidadania e a inclusão social pensando no bem-estar de todos? Diante dessas considerações, este artigo busca introduzir o ensino de Libras no currículo de uma turma de crianças entre 2 a 3 anos de idade, da Educação Infantil. O propósito do trabalho é que as escolas, professores e sociedade em geral reflitam e percebam que a língua de sinais pode ser aceita e ensinada como as demais línguas, pois faz parte da nossa realidade. A metodologia utilizada consiste na realização de entrevistas com professores intérpretes, visitação a uma escola de surdos localizada na região metropolitana de Porto Alegre e aplicação de uma proposta de inclusão de Libras em uma turma de Educação Infantil durante três meses. Os resultados apontam aspectos positivos, pois foi possível perceber o interesse e a naturalidade das crianças no contato com a Libras, o que demostra a possibilidade de inserir essa língua no currículo da Educação Infantil, favorecendo não só a comunicação entre surdos e ouvintes como também a promoção da cidadania.
URI: http://hdl.handle.net/10737/1905
Appears in Collections:Letras

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017MarluceMariaWerle.pdf675,63 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons