Aplicação de ferramenta de análise de riscos ambientais em um abatedouro da região alta do Vale do Taquari

Imagem em miniatura
Data
2017-12-14
Autores
Chiesa, Karin
Título do periódico
ISSN
Título do Volume
Editor
Resumo
Grandes desafios vêm sendo enfrentados pela humanidade na busca pelo desenvolvimento sustentável. Com a industrialização e a intensificação do progresso mundial, surgiram uma série de problemas ambientais levando governos a implantar exigências mais severas de proteção e conservação do meio ambiente. A partir de então, o licenciamento ambiental passa a ser o instrumento ambiental obrigatório com o objetivo de garantir a preservação da qualidade ambiental e a sustentabilidade em todas as suas dimensões. Simultaneamente, as empresas passaram a tratar as questões ambientais como parte integrante de suas ações, trazendo vantagens inerentes ao ciclo produtivo da empresa. Nesse contexto, o presente estudo tem como objetivo realizar um diagnóstico ambiental de um empreendimento do ramo frigorífico localizado na região alta do Vale do Taquari. Propôs-se a análise dos principais aspectos e impactos ambientais pertinentes ao processo produtivo da empresa, elencando planos de gestão ambiental por meio da implantação da ferramenta de análise de riscos FMEA - Failure Modes and Effects (Análise dos Modos de Falha e seus Efeitos). Como resultado, foram identificados 47 modos de falhas, apresentando em sua maioria índices de risco ambiental de impacto moderado. Dentre os modos de falhas mais relevantes, destaca-se o consumo excessivo de água nas operações, além do direcionamento inadequado de sangue e efluentes. Para os resíduos sólidos fora constatado que os maiores riscos encontrados se referem a falta de procedimentos adequados para o gerenciamento correto dos resíduos gerados em todos os setores, desde a geração na fonte até o destino final. Quanto a poluição do ar, percebeu-se que o maior risco apresentado refere-se aos odores provenientes do processamento de produtos na graxaria, fonte constante de reclamações da população aos órgãos fiscalizadores. Por meio das avaliações realizadas, observou-se que os valores obtidos nos setores adjacentes ao abatedouro mostraram índices de risco moderados. Já para o abatedouro, mais especificamente no setor de abate, os valores obtidos são significativamente maiores, fazendo com que sejam considerados planos de ações específicos para mitigar os impactos ambientais. Verificou-se também, que a empresa não atende de forma integral a legislação ambiental, nem possui nenhum programa específico que objetiva a minimização dos impactos ambientais, podendo concluir que a empresa ainda não possui uma forte preocupação com a adequação ambiental de seus processos. Por fim, constatou-se que o método mostra-se vantajoso por apresentar-se como uma ferramenta eficiente, confiável e que permite pontuar o risco ambiental dos itens individualmente através dos índices de criticidade, possibilitando estabelecer medidas preventivas ou corretivas para os pontos mais sensíveis dentro da organização. Dessa forma, através da implementação de ações específicas e bem direcionadas buscou-se minimizar ao máximo a ocorrência dos impactos ambientais observados no empreendimento e seu entorno.
Descrição
Palavras-chave
Avaliação ambiental de sistema, Ferramenta de gestão, FMEA, Gestão ambiental, Riscos ambientais
Citação
CHIESA, Karin. Aplicação de ferramenta de análise de riscos ambientais em um abatedouro da região alta do Vale do Taquari. 2017. Monografia (Graduação em Engenharia Ambiental) – Universidade do Vale do Taquari - Univates, Lajeado, 14 dez. 2017. Disponível em: http://hdl.handle.net/10737/1913.