Use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10737/2098
Title: Cenário estratégico internacional: a ascensão chinesa, a aproximação com a Rússia e as implicações na balança de poder mundial
Authors: Delarmelin, Daniela Marqueli
Keywords: China;Política Externa;Rússia;Balança de poder;Neorrealismo
Date of Defense: 26-Jun-2018
Issue Date: 3-Sep-2018
Citation: DELARMELIN, Daniela Marqueli. "Cenário estratégico internacional: a ascensão chinesa, a aproximação com a Rússia e as implicações na balança de poder mundial". 2018. Monografia (Graduação em Relações Internacionais) – Universidade do Vale do Taquari - Univates, Lajeado, 26 jun. 2018. Disponível em: <http://hdl.handle.net/10737/2098>.
Abstract: Tendo em vista as mudanças que ocorreram na balança de poder do Sistema Internacional (SI) no período pós-Guerra Fria, com a derrocada da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS) e a ascensão dos Estados Unidos da América (EUA) como única potência hegemônica, surge a necessidade de entender as novas políticas governamentais que afetam esse status quo e a estabilidade das relações internacionais. A ordem mundial liberal baseada em regras estabelecida pelos Estados Unidos após a Segunda Guerra Mundial está sendo contestada e posta em xeque principalmente pela ascensão da China e a formação de novos polos de poder. Neste cenário, a China se coloca como um potencial candidato à superpotência internacional. Embora ainda esteja longe de alcançar os EUA, percebe-se uma maior assertividade deste país em relação aos seus interesses tanto internamente como externamente. A maior aproximação da China com a Rússia nos últimos anos pode ser entendida como uma forma de contrabalançar o poderio estadunidense e diminuir a distância de poder existente entre esses três países. Por tanto, o objetivo desta pesquisa é analisar a política externa chinesa e sua projeção de poder, a aproximação deste país com a Rússia e as implicações que a ascensão chinesa oferece à balança de poder e a ordem mundial sob enfoque neorrealista. A metodologia adotada foi a pesquisa qualitativa de caráter exploratório, que visa levantar informações através de pesquisa bibliográfica e documental sobre o tema estudado. A partir da análise, pôde-se concluir que a China e os Estados Unidos estão engajados em um processo lento de transição de poder, onde a Rússia exerce um papel fundamental como forma de contrabalançar poder e buscar diminuir as ações de contenção por parte dos EUA.
URI: http://hdl.handle.net/10737/2098
Appears in Collections:Relações Internacionais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018DaniellaDelarmelin.pdf1,1 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons