Cadeia de valores e vantagem competitiva nas cooperativas de distribuição de energia elétrica

Imagem em miniatura
Data
2018-08-08
Autores
Mallmann, Ernani Aloísio
Título do periódico
ISSN
Título do Volume
Editor
Resumo
A presente pesquisa estuda as cooperativas de distribuição de energia elétrica do ramo de infraestrutura regularizadas pelo Poder Concedente – União, enquadradas no Ambiente Regulado do setor elétrico brasileiro a partir da assinatura do contrato. A partir da Lei 8.987 de 13 de fevereiro de 1995, que regulamenta o artigo 175 da Constituição Federal de 1988, as cooperativas podem ser enquadradas, através da Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL, órgão regulador, como cooperativas permissionárias. Devem, neste Ambiente Regulado, estruturar-se para prestar este serviço de acordo com o parágrafo 1o do artigo 6o da Lei 8.987 de 13 de fevereiro de 1995, que estabelece serviço adequado àquele que satisfaz as condições de regularidade, continuidade, eficiência, segurança, atualidade, generalidade, cortesia na prestação de serviço e modicidade tarifária, bem como atender a legislação pertinente ao setor elétrico. As cooperativas são caracterizadas como sociedades de pessoas, com o objetivo comum de atender às necessidades dos associados, aprovadas em assembleias e regidas, principalmente, pela Lei 5.764 de 16 de dezembro de 1971, pelo Estatuto Social e legislação complementar. A Vantagem Competitiva tem origem em inúmeras atividades distintas dentro da cadeia de valores e os elos que as interligam são fundamentas para que esta vantagem competitiva seja alcançada. A cadeia de valores constitui-se num instrumento básico para o diagnóstico da cadeia de valores e desempenha um papel importante na estrutura organizacional da empresa, principalmente quando esta estrutura está definida no sentido de agrupar atividades similares e através e inúmeros elos interagem no aumento da vantagem competitiva. A implantação da ISO 9.001, que consiste num Sistema de Gestão da Qualidade, obrigatório para as distribuidoras de energia elétrica, busca a melhoria contínua nos processos para aumentar a satisfação dos consumidores e as partes interessadas na melhoria dos produtos e serviços oferecidos, na redução das não conformidades e no planejamento das futuras necessidades e expectativas dos associados. Enfatiza-se, portanto, que serão necessários novos desafios a serem vencidos pelas cooperativas distribuidoras de energia elétrica para atender as exigências impostas.
Descrição
Palavras-chave
Cooperativas distribuidoras de energia elétrica, Vantagem Competitiva, Cadeia de Valores, ISO 9.001, Ambiente Regulado, ANEEL, Legislação do Setor Elétrico Brasileiro
Citação
MALLMANN, Ernani Aloísio. Cadeia de valores e vantagem competitiva nas cooperativas de distribuição de energia elétrica. 2017. Monografia (MBA em Gestão Empresarial) – Universidade do Vale do Taquari - Univates, Lajeado, 01 set. 2017. Disponível em: http://hdl.handle.net/10737/2138.