Use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10737/2332
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorBertoti, Angélica-
dc.date.accessioned2019-02-05T17:35:54Z-
dc.date.available2019-02-05T17:35:54Z-
dc.date.issued2019-01-15-
dc.date.submitted2018-12-03-
dc.identifier.citationBERTOTI, Angélica. Adaptação de técnica experimental para determinação de condutividade térmica de materiais com potencial para isolamento térmico. 2018. Monografia (Graduação em Engenharia Civil) – Universidade do Vale do Taquari - Univates, Lajeado, 03 dez. 2018. Disponível em: http://hdl.handle.net/10737/2332. pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10737/2332-
dc.description.abstractO presente trabalho apresenta o desenvolvimento de uma técnica experimental para determinar a condutividade térmica de materiais com potencial de isolamento térmico. A técnica consiste na produção de um fluxo de calor através de uma chapa indutora de calor e uma placa fria. Para a obtenção dos dados foram utilizados sensores de temperatura em dois momentos, um imediatamente posterior à placa fornecedora de calor e anterior ao material amostral, e outro sensor após o material analisado. Os testes foram realizados em ambiente com temperatura controlada artificialmente por sistema de condicionamento de ar no Laboratório de Saneamento Ambiental da Universidade do Vale do Taquari – UNIVATES. Para validação da técnica, foram submetidos aos testes placas de poliestireno expandido com 2 cm de espessura, sob diferentes faixas de temperatura. A técnica se mostrou válida quando a amostra foi submetida a uma faixa de temperatura média de 60oC, apresentando uma condutividade térmica de 0,044W/m.k. Analisou-se, também, a condutividade térmica do sabugo de milho, palha de soja, casca de pinus, placa de reboco com esferas de EPS, placa de SlimStone e placa de vácuo com elemento acrílico, as quais apresentaram condutividade térmica de 0,052, 0,058, 0,061, 0,067, 0,063 e 0,102W/m.k respectivamente. A partir dos dados obtidos, conclui-se que a técnica experimental é confiável quando as amostras são submetidas a uma temperatura média próxima a 60oC, também é importante destacar sobre a condutividade térmica que os materiais apresentaram, classificando-os como isolantes térmicos.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsopenAccesspt_BR
dc.subjectCondutividade térmicapt_BR
dc.subjectIsolamento térmicopt_BR
dc.subjectPropriedades termofísicaspt_BR
dc.titleAdaptação de técnica experimental para determinação de condutividade térmica de materiais com potencial para isolamento térmicopt_BR
dc.typebachelorThesispt_BR
mtd2-br.advisor.instituationUniversidade do Vale do Taquari - Univatespt_BR
mtd2-br.advisor.latteshttp://lattes.cnpq.br/7771857527009401pt_BR
mtd2-br.advisor.nameSpinelli, Rodrigo-
bdu.cnpq.areaENGpt_BR
Appears in Collections:Engenharia Civil

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018AngelicaBertoti.pdf2,92 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons