Use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10737/293
Title: Gestão de resíduos sólidos de uma indústria de aglomerados e moveleira - um olhar para sustentabildade
Authors: Koch, Marciano Ricardo  Lattes
Keywords: Gestão de resíduos;Resíduos de madeira;Sustentabilidade
Date of Defense: 14-Dec-2012
Issue Date: 1-Mar-2013
Citation: KOCH, Marciano Ricardo. "Gestão de resíduos sólidos de uma indústria de aglomerados e moveleira - um olhar para sustentabildade". 2012. Dissertação (Mestrado) – Curso de Ambiente e Desenvolvimento, Universidade do Vale do Taquari - Univates, Lajeado, 14 dez. 2012. Disponível em: <http://hdl.handle.net/10737/293>.
Abstract: Os resíduos sólidos são atualmente considerados uns dos problemas mais preocupantes da sociedade humana nos últimos anos, inclusive no ramo moveleiro, pois as indústrias de móveis produzem uma quantidade considerável de resíduos de madeira que precisam ser tratados, reaproveitados ou valorizados, dando um destino ambientalmente correto aos mesmos. O objeto deste estudo é a empresa de Aglomerados, que produz chapas de MDP (Medium Density Particleboard) e utiliza como matéria-prima principal a madeira de matas plantadas (Eucalipto e Pinos) o que por sua vez provoca um índice considerável de desmatamento. O objetivo principal desse trabalho é identificar quais tipos de resíduos sólidos provenientes das indústrias moveleiras podem ser potencializados para reaproveitamento na fabricação de novas chapas de aglomerado e/ou para geração de energia. Para tanto foram identificados as principais indústrias de móveis que utilizam como matéria prima o MDP e MDF filiadas e não filiadas ao SINDMÓVEIS de Bento Gonçalves que geram resíduos sólidos de madeira provenientes de seu processo de produção. O método utilizado foi de pesquisa aplicada quanto aos fins e pesquisa documental, bibliográfica e estudo de caso quanto aos meios, sendo a análise dos dados predominantemente de caráter qualitativo. Foram analisados nas empresas entrevistadas vários aspectos relevantes à pesquisa em questão, dentre eles: tipos de móveis fabricados, matéria-prima que utilizam (MDP ou MDF), quantidades que as mesmas consomem, percentual de aproveitamento das chapas, locais de armazenagem dos mesmos, bem como sistemas de gestão utilizados. O trabalho buscou quantificar e evidenciar o aproveitamento destes resíduos como matérias- primas alternativas tanto na produção de novas chapas de aglomerado como para geração de energia (biomassa), minimizando assim o impacto ambiental. Os resultados obtidos mostram que há uma grande quantidade de resíduos gerados no polo moveleiro de Bento Gonçalves que não são reaproveitados corretamente e não é agregado nenhum valor aos mesmos. Como consequência desses resultados, comparando com a quantidade de resíduos de matérias-primas virgens utilizadas na empresa de Aglomerados, o aproveitamento desses resíduos alternativos reduziria consideravelmente o consumo de florestas plantadas.
URI: http://hdl.handle.net/10737/293
Appears in Collections:Ambiente e Desenvolvimento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MarcianoKoch.pdf2,74 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons