Use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10737/2991
Title: Ensino para deficientes visuais mediante a utilização de um guia de saúde oral
Authors: Neto, Artur Fernandes de Paiva
Keywords: Ensino;Teconolgias digitais;Deficiência visual;Guia de saúde oral;Percepções discentes;Teaching;Digital technologies;Visual impairment;Oral health guide;Student perceptions
Date of Defense: 16-Dec-2020
Issue Date: Dec-2020
Citation: NETO, Artur Fernandes de Paiva. Ensino para deficientes visuais mediante a utilização de um guia de saúde oral. 2020. Dissertação (Mestrado) – Curso de Ensino, Universidade do Vale do Taquari - Univates, Lajeado, 16 dez. 2020. Disponível em: http://hdl.handle.net/10737/2991.
Abstract: A presente dissertação tem como tema o ensino para Deficientes Visuais mediante a utilização de um Guia de Saúde Oral. Teve como motivação o seguinte problema: como estudantes universitários com deficiência visual percebem o desenvolvimento de uma proposta de ensino em saúde bucal por meio do Guia de Saúde Oral para Deficientes Visuais? A pesquisa buscou analisar, a partir da mediação do Guia de Saúde Oral para Deficientes Visuais, como estudantes universitários com deficiência visual percebem o desenvolvimento de uma proposta de ensino em saúde bucal. Os sujeitos da pesquisa são universitários com algum grau de deficiência visual, que estudam em instituições de Ensino Superior no interior do estado da Bahia. No que diz respeito aos procedimentos metodológicos, trata-se de uma pesquisa de campo, aproximando-se de pressupostos do estudo de caso. Os dados foram analisados com base na categorização proposta por Moraes e Galiazzi (2015). Dentre os autores que fundamentaram a pesquisa estão Sassaki (1997), Moreira (2017), Moran (2015), Vidal e Coelho JR. (2013), Michelotti (2018), entre outros. Constatou-se que o conhecimento prévio dos estudantes identificando seus hábitos em relação à saúde bucal foi de valor ímpar para que fosse possível significar tais informações durante o desenvolvimento da proposta de ensino em saúde oral. O referido Guia mostrou-se uma ferramenta de ensino eficiente ao olhar dos estudantes universitários, por ser um recurso pedagógico organizado em forma de manual de instruções, com exercícios que devem ser executados pelo leitor na própria boca, de modo a auxiliar no reconhecimento de tais estruturas. Além disso, evidenciou-se que a ferramenta pôde ser transformada em mídias digitais, o que auxiliou na realização de uma proposta de ensino inclusivo, principalmente mediante uso das tecnologias digitais.
The present dissertation has as its subject the teaching for the Visually Impaired through the use of an Oral Health Guide. It was motivated by the following problem: how do university students with visual impairments perceive the development of a teaching proposal in oral health through the Guide to Oral Health for the Visually Impaired? The research sought to analyze, based on the mediation of the Oral Health Guide for the Visually Impaired, how university students with visual impairment perceive the development of a teaching proposal in oral health. The research subjects are university students with some degree of visual impairment, who study at Higher Education institutions in the interior of the state of Bahia. With regard to methodological procedures, it is a field research, approaching the assumptions of the case study. The data were analyzed based on the categorization proposed by Moraes and Galiazzi (2015). Among the authors who supported the research are Sassaki (1997), Moreira (2017), Moran (2015), Vidal and Coelho JR. (2013), Michelotti (2018), among others. It was found that the prior knowledge of students identifying their habits in relation to oral health was of unparalleled value so that it was possible to signify such information during the development of the oral health teaching proposal. This Guide proved to be an efficient teaching tool in the eyes of university students, as it is an educational resource organized in the form of an instruction manual, with exercises that must be performed by the reader in his own mouth, in order to assist in the recognition of such structures. In addition, it became evident that the tool could be transformed into digital media, which helped in the realization of an inclusive education proposal, mainly through the use of digital technologies.
URI: http://hdl.handle.net/10737/2991
Appears in Collections:Ensino

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2020ArturFernandesdePaivaNeto.pdf4,24 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons