Use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10737/3077
Title: Internacionalização de clubes de futebol: um estudo comparativo entre clubes brasileiros e europeus
Authors: Nieland, Alan Lampert
Keywords: Internacionalização;Clubes de futebol;Marketing
Date of Defense: 2-Dec-2020
Issue Date: Nov-2020
Citation: NIELAND, Alan Lampert. Internacionalização de clubes de futebol: um estudo comparativo entre clubes brasileiros e europeus. 2020. Monografia (Graduação em Administração - LFE Comércio Exterior) – Universidade do Vale do Taquari - Univates, Lajeado, 02 dez. 2020. Disponível em: http://hdl.handle.net/10737/3077.
Abstract: Como o avanço da globalização, a economia mundial tem se tornado cada vez mais unificada e competitiva. Empresas não estão mais disputando mercados apenas com os concorrentes locais, mas sim, com players internacionais. Os processos de internacionalização têm auxiliado companhias a enfrentarem os desafios dos mercados globais e a fazerem frente às oportunidades que surgem. A indústria do esporte e, principalmente, a indústria do futebol, tem crescido de forma notória e alcançado uma manifestação representativa dentro do Produto Interno Bruto (PIB) de diversos países, como é o caso de Espanha, Inglaterra e Brasil. Autores como Ferran Soriano (2010) e Gasparetto (2013) têm defendido que clubes de futebol possuem características similares a empresas e, portanto, devem ser tratados como negócios. Dessa forma, entende-se que os clubes de futebol podem se utilizar dos processos de internacionalização para fazer frente aos desafios do mercado. A presente pesquisa analisou como ocorrem os processos de internacionalização de clubes brasileiros e clubes europeus, relacionando-os com as teorias de internacionalização da firma. Para percorrer esse objetivo, inicialmente construiu-se um referencial teórico envolvendo temas de internacionalização de empresas, mercado e indústria do futebol e internacionalização do futebol. Posteriormente, conduziu-se dois estudos de caso, analisando o processo de internacionalização do Flamengo e do Barcelona. Para isso, foi utilizada uma abordagem qualitativa exploratória, fazendo uso de dados secundários e entrevistas. Os resultados demonstraram que ambos os clubes tiveram benefícios econômicos e não econômicos com a estratégia, e que os clubes se encontram em estágios diferentes do processo de internacionalização.
URI: http://hdl.handle.net/10737/3077
Appears in Collections:Administração - LFE Comércio Exterior

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2020AlanLampertNieland.pdf864,65 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons