Use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10737/672
Title: Exclusão da capacidade sucessória: deserdação e indignidade no direito civil brasileiro
Authors: Spielmann, Silvia Conzatti
Keywords: Direito da sucessão;Herança;Exclusão;Deserdação;Indignidade
Issue Date: 11-Mar-2015
Abstract: O direito das sucessões consiste no conjunto de regras que disciplinam a transferência de patrimônio para alguém, após a sua morte, aos seus sucessores em virtude de lei ou de disposição testamentária. Contudo podem os herdeiros serem excluídos da sucessão, ao agirem de forma contrária a lei e a moral, através dos institutos da deserdação e da indignidade disciplinados nos art. 1.814; 1.962 e 1.963 do CC. A presente monografia objetiva analisar a aplicação destes institutos no direito sucessório brasileiro à luz de casos reais analisados pelos Tribunais de Justiça brasileiros. Trata-se de pesquisa qualitativa, realizada por meio de método dedutivo e de procedimento técnico bibliográfico e documental. Dessa forma, as reflexões começam pela abordagem geral da origem, fundamento e conceito do direito das sucessões. Em seguida, discorre sobre a legitimidade e/ou capacidade para suceder. Passando a apresentar a ordem da vocação hereditária legítima e testamentária para então abordar a temática da exclusão da sucessão pela deserdação e pela indignidade. Finalizando com o exame dos julgados dos Tribunais de Justiça brasileiros no que diz respeito a aplicação taxativa da exclusão da sucessão. Nesse sentido conclui que os Tribunais vêm aplicando de forma restritiva a lei em contraponto da necessidade de alteração desta por não acompanhar as mudanças sociais e culturais.
URI: http://hdl.handle.net/10737/672
Appears in Collections:Direito

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014SilviaConzattiSpielmann.pdf899,7 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons