Use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10737/74
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorDacroce, Gilberto Luizpt_BR
dc.date.accessioned2009-05-11T13:47:40Zpt_BR
dc.date.available2009-05-11T13:47:40Zpt_BR
dc.date.issued2009-05-11pt_BR
dc.date.submitted2009-04-03-
dc.identifier.citationDACROCE, Gilberto Luiz. "Aspectos constitucionais da defesa e proteção do ambiente no Brasil". 2009. Dissertação (Mestrado) – Curso de Ambiente e Desenvolvimento, Universidade do Vale do Taquari - Univates, Lajeado, 03 abr. 2009. Disponível em: <http://hdl.handle.net/10737/74>. pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10737/74pt_BR
dc.description.abstractEste trabalho faz uma análise dos aspectos constitucionais da defesa e proteção do meio ambiente no Brasil, através de um estudo da origem da questão ambiental, dos fatores de transformação do planeta, da relação do homem com o meio ambiente, da evolução histórica do Direito no campo ambiental e da eficácia da norma constitucional, fundada no princípio da dignidade da pessoa humana, nos direitos fundamentais previstos na Constituição Federal de 1988 e de acordo com o entendimento jurisprudencial do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul e do Supremo Tribunal Federal. Assim, tomando como referência o artigo 225 da Constituição Brasileira, objetiva verificar se a norma constitucional tem sido observada e aplicada pelo Poder Judiciário, no sentido de garantir que “Todos têm direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, bem de uso comum do povo e essencial à sadia qualidade de vida, impondo-se ao poder público e à coletividade o dever de defendê-lo e preservá-lo para as presentes e futuras gerações”, especialmente como mecanismo de defesa e proteção do meio ambiente. Para esse intento dividiu-se o trabalho em três capítulos. O primeiro aborda a origem da questão ambiental, os fatores de transformação do planeta, a relação do homem com o meio ambiente, da evolução histórica do Direito Ambiental no Brasil. O segundo capítulo versa sobre o princípio da dignidade da pessoa humana e os direitos fundamentais na Constituição Federal de 1988. Finalizando, o terceiro capítulo trata da proteção do meio ambiente na Constituição Federal de 1988 e faz uma análise jurisprudencial de casos concretos voltados à defesa e proteção do meio ambiente. O método de abordagem da pesquisa é o hipotético-dedutivo; o de procedimento, histórico, comparativo e estudo de caso; e, a técnica de pesquisa é indireta e, eventualmente, direta, em virtude da análise jurisprudencial. A linha de pesquisa é a do constitucionalismo contemporâneo que busca, numa perspectiva constitucional, analisar os aspectos constitucionais da defesa e proteção do ambiente no Brasil.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectMeio Ambientept_BR
dc.subjectDefesa e Proteçãopt_BR
dc.subjectDignidade Humanapt_BR
dc.subjectDireito Fundamentalpt_BR
dc.titleAspectos constitucionais da defesa e proteção do ambiente no Brasilpt_BR
dc.typemasterThesispt_BR
mtd2-br.advisor.instituationUniversidade do Vale do Taquari Univatespt_BR
mtd2-br.advisor.latteshttp://lattes.cnpq.br/9946679953072196pt_BR
mtd2-br.author.latteshttp://lattes.cnpq.br/0440544848447008pt_BR
mtd2-br.library.identifier42-
mtd2-br.program.namePPGAD;Ambiente e Desenvolvimentopt_BR
mtd2-br.advisor.nameKonrad, Odoricopt_BR
mtd2-br.co-advisor.nameBuffon, Marcianopt_BR
bdu.cnpq.areaMU
dc.rights.accessopenAccess
Appears in Collections:Ambiente e Desenvolvimento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GilbertoDacroce.pdf585,66 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in BDU are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.