Use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10737/809
Title: Análise da expressão gênica de NFKB1, TNF-α, e p38α na mucosa gástrica: relação com contaminação por Helicobacter pylori
Authors: Oliveira, Henrique Sulzbach de  Lattes
Keywords: Helicobacter pylori;Inflamação;Expressão gênica;QPCR;Gastrite;Gene de referência
Date of Defense: Jan-2015
Issue Date: 17-Aug-2015
Citation: OLIVEIRA, Henrique Sulzbach de. Análise da expressão gênica de NFKB1, TNF-α, e p38α na mucosa gástrica: relação com contaminação por Helicobacter pylori. 2015. Dissertação (Mestrado) – Curso de Biotecnologia, Universidade do Vale do Taquari - Univates, Lajeado, jan. 2015. Disponível em: http://hdl.handle.net/10737/809.
Abstract: Helicobacter pylori é uma bactéria que infecta aproximadamente 50% da população mundial, podendo causar gastrite crônica e outras formas de dano celular. A relação entre inflamação e câncer é amplamente descrita. Estímulos patogênicos induzem a expressão do fator de necrose tumoral alfa (TNF-α) que, por sua vez, induz outros mediadores responsáveis pela resposta inflamatória e proliferação celular. O presente estudo teve como objetivo avaliar a expressão dos genes TNF-α, NFKΒ1 e p38α na mucosa gástrica humana e investigar a influência da presença de H. pylori na expressão destes em uma população do Vale do Taquari, Rio Grande do Sul, Brasil. As amostras foram coletadas por endoscopia digestiva alta, sendo o diagnóstico de H. pylori realizado através do teste rápido de urease, com posterior confirmação pelo exame anatomopatológico de rotina. O RNA total foi extraído e purificado para posterior síntese de DNAc (DNA complementar) e análise por qPCR (Reação em Cadeia da Polimerase em Tempo Real). O algoritmo NormFinder foi utilizado para a análise do gene de referência. Para análise estatística dos genes de interesse foram utilizados os testes de Mann-Whitney e Kruskal-Wallis seguido pelo teste de comparações múltiplas de Dunn. Das 100 amostras coletadas, 19% foram classificadas como normal, 46% como gastrite crônica não ativa, 27% como gastrite crônica ativa e 8% como metaplasia intestinal. Todas as amostras positivas para H. pylori apresentaram inflamação ativa, de acordo com o exame anatomopatológico. Utilizou-se como gene normalizador o SDHA, que foi classificado como mais estável em relação ao ACTB, GAPDH, B2M e HPRT1. A expressão do TNF-α foi significativamente superior nos grupo H. pylori Positivo (p < 0,0001, teste de Mann-Whitney) e Gastrite Crônica Ativa (p < 0,01, Teste de Kruskal-Wallis seguido pelo teste de comparações múltiplas de Dunn). No entanto, não foi detectada diferença na expressão gênica do NFKΒ1 e do p38α entre os grupos. Pode-se concluir que a presença de H. pylori pode estar relacionada ao aumento na expressão do TNF-α, demonstrando a sua influência no processo inflamatório do tecido gástrico. Apesar de não ter sido encontrada alteração na expressão do NFKΒ1 e do p38α em nível de RNAm, estudos adicionais devem ser realizados para verificação da influência destes genes nesta via.
Helicobacter pylori infects about 50% of the world’s population, causing chronic gastritis and other forms of cellular damage. The relationship between inflammation and cancer is well known. Pathogenic stimuli induce the expression of tumor necrosis factor alpha (TNF-α), which, in turn, induce other mediators responsible for inflammation response and cell proliferation. The present study aimed to evaluate the gene expression of TNF-α, NFKB1 and p38α in human gastric mucosa and investigate the H. pylori influence in the expression of these genes in a population of Vale do Taquari, Rio Grande do Sul, Brazil. The samples were collected by upper endoscopy and the H. pylori diagnosis was performed through rapid urease test and histological analysis. The total RNA was extracted and purified for subsequent cDNA synthesis and qPCR analysis. The NormFinder algorithm was used for reference gene analysis. For the statystical analysis of the studied genes were used the Mann-Whitney test and the Kruskal-Wallis test followed by the Dunn’s test for multiple comparisons. From the 100 samples collected, 19% were classified as normal, 46% as non-active chronic gastritis, 27% as active chronic gastritis, and 8% as intestinal metaplasia. All samples positive for H. pylori demonstrated active inflammation, according to hystological analysis. SDHA was classified as the most stable gene when compared to ACTB, GAPDH, B2M and HPRT1, being chosen to be used as reference gene for qPCR normalization. The TNF-α expression was significantly higher in the H. pylori (p < 0,0001, Mann-Whitney’s test) and the Active Chronic Gastritis groups (p < 0,01, Kruskal Wallis test followed by Duncan’s multiple comparisons test). However, it wasn’t detected any difference in NFKΒ1 and p38α expression in the studied groups. It can be concluded that the presence of H. pylori can be related to TNF-α upregulation, demonstrating its influence in the inflammatory response of the gastric tissue. Although it has not been found changes in the NFKΒ1 and p38α expression at mRNA levels, additional studies are needed to verify the influence of these genes in this pathway.
URI: http://hdl.handle.net/10737/809
Appears in Collections:Biotecnologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015HenriqueSulzbachdeOliveira.pdf1,86 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons