Use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10737/89
Title: Práticas ambientais na produção do tabaco: um estudo a partir das interações entre organizações sociais e produtores
Authors: Sell, Mariela Cristina  Lattes
Keywords: Tabaco;Sistema integrado de produção;Contextualização histórica;Meio ambiente
Date of Defense: 17-Jul-2009
Issue Date: 10-Sep-2009
Citation: SELL, Mariela Cristina. "Práticas ambientais na produção do tabaco: um estudo a partir das interações entre organizações sociais e produtores". 2009. Dissertação (Mestrado) – Curso de Ambiente e Desenvolvimento, Universidade do Vale do Taquari - Univates, Lajeado, 17 jul. 2009. Disponível em: <http://hdl.handle.net/10737/89>.
Abstract: O presente trabalho apresenta a evolução da fumicultura no Rio Grande do Sul, mais especificamente no município de Venâncio Aires, verificando aspectos históricos que envolvem a colonização alemã e a ocupação do território, as mudanças no processo de cultivo do tabaco e as ações desenvolvidas pelos diversos atores em relação à produção de tabaco e às práticas de preservação ambiental. Neste estudo contextualizamos como se dá a troca de mensagens com cunho ambiental, identificando os principais agentes emissores de informação ambiental, que tem como receptor o produtor de tabaco. O objetivo geral da pesquisa é compreender como as interações sociais e as informações ambientais emitidas pelas diversas organizações se refletem nas práticas produtivas dos produtores de tabaco do município de Venâncio Aires, e como se relacionam com o contexto socioeconômico destes sujeitos. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, de viés empírico e discursivo, onde realizamos uma análise sócio-histórica baseada no método da Hermenêutica de Profundidade (HP). Os dados foram levantados por documentos e entrevistas, e tratados por meio da análise textual qualitativa. As diversas organizações sociais envolvidas neste ramo do agronegócio demonstram empenho na busca pela sustentabilidade e boas práticas ambientais na produção do tabaco, ofertando orientações neste sentido. E, embora existam alguns conflitos e resistências nas apropriações feitas pelos fumicultores em relação ao que lhes é ofertado, percebemos também mudanças em algumas práticas produtivas.
URI: http://hdl.handle.net/10737/89
Appears in Collections:Ambiente e Desenvolvimento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MarielaSell.pdf6,03 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in BDU are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.