Use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10737/965
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorRodrigues, Heila Antonia das Neves-
dc.date.accessioned2016-04-14T21:17:13Z-
dc.date.available2016-04-14T21:17:13Z-
dc.date.issued2016-04-14pt_BR
dc.date.submitted2015-06-29-
dc.identifier.citationRODRIGUES, Heila Antonia das Neves. "Doenças negligenciadas no estado de Roraima: uma análise a partir da geografia da saúde para o período de 2000 a 2013". 2015. Dissertação (Mestrado) – Curso de Ambiente e Desenvolvimento, Universidade do Vale do Taquari - Univates, Lajeado, 29 jun. 2015. Disponível em: <http://hdl.handle.net/10737/965>. pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10737/965-
dc.description.abstractA propagação das doenças negligenciadas está diretamente associada à precária condição de vida em que vive uma parcela cada vez maior de pessoas, bem como a ineficiência dos gestores públicos na implementação de políticas públicas que visam combatê-las. Em Roraima, devido às condições de desenvolvimento acelerado e concentrado em um curto período de tempo, associado a um modelo de exploração dos recursos florestais, essas doenças encontraram um fértil campo para propagar-se. O presente estudo pautou-se em compreender, a partir da Geografia da Saúde, a ocorrência e distribuição das doenças negligenciadas em Roraima e as possibilidades do Estado atingir as metas de controle definidas pela ONU para 2015. Para tanto, foram selecionadas as doenças malária, tuberculose, dengue e HIV/Aids. Utilizou-se como fontes os dados secundários do Ministério da Saúde e do governo do Estado de Roraima, possibilitando o agrupamento das informações por meio de gráficos, quadros, tabelas e mapas temáticos que exprimem a realidade encontrada para cada município no período estudado, referentes aos aspectos socioeconômicos e estruturais, além da diversidade fisiográfica entre os municípios. A pesquisa é do tipo quali-quantitativa. Neste cenário, a partir da análise dos dados, observou-se que há grandes disparidades de condições de vida entre os 15 municípios que compõem o estado de Roraima. Identificou que os aspectos socioeconômicos comprometem a efetividade das ações do estado e municípios para o combate e controle dos vetores das doenças, bem como a irregularidade na distribuição dos profissionais pelo território, associado a precariedade das condições de diagnósticos, dificultam o desenvolvimento de ações conjuntas que visem um melhor atendimento na rede de atenção básica, comprometendo o atendimento nos hospitais de média e alta complexidade, na capital do estado. Assim, apesar dos boletins do portal ODM indicarem que Roraima atingirá as metas estabelecidas para malária, tuberculose e Aids, ficando apenas a dengue abaixo das metas. O estudo chama a atenção para o avanço da Aids no estado.pt_BR
dc.description.abstractThe spread of neglected diseases is directly linked to precarious living conditions in which live a large share of people as well as the inefficiency of public managers in the public policies implementation to combat them. In Roraima, due to the conditions of accelerated and concentrated development in a short period of time, combined with a model of exploratation of forest resources, these diseases have found fertile ground to get spread. This study was focused to understand, from the Health Geography, the neglected diseases occurrence and distribution in Roraima and the State possibilities to achieve the control goals set by the UN for 2015. Therefore, the selected diseases were malaria, tuberculosis, dengue and HIV / AIDS. It was used the secondary data sources from the Ministry of Health and the Roraima State Government, enabling the grouping of information through charts, tables and thematic maps that express the reality found in all municipalities in the period studied, related to socio-economic and structural aspects in addition to physiographic diversity among municipalities. . The research is qualitative and quantitative type. In this scenario, based on the data analysis, it was observed that, there are great disparities in living conditions between the 15 municipalities that compose the State of Roraima. It was identified that the socioeconomic aspects compromise the effectiveness of State and municipalities actions to combat and control of vectors of disease, as well as the irregularity in the distribution of professionals by territory, associated with precarious conditions diagnostics, difficulting develop joint actions aimed at better care in the primary care network, compromising the care in the hospitals of medium and high complexity in the capital of state. Thus, despite the reports from MDG portal indicate that Roraima will reach the goals set for malaria, tuberculosis and AIDS, only dengue will be below the targets. The study draws attention to the spread of AIDS in the state.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsopenAccesspt_BR
dc.subjectGeografia da saúdept_BR
dc.subjectDoenças negligenciadaspt_BR
dc.subjectODM’spt_BR
dc.titleDoenças negligenciadas no estado de Roraima: uma análise a partir da geografia da saúde para o período de 2000 a 2013pt_BR
dc.typemasterThesispt_BR
mtd2-br.advisor.instituationUniversidade do Vale do Taquari UNIVATESpt_BR
mtd2-br.advisor.latteshttp://lattes.cnpq.br/2618070777171361pt_BR
mtd2-br.author.latteshttp://lattes.cnpq.br/7644292402635493pt_BR
mtd2-br.program.namePPGAD;Ambiente e Desenvolvimentopt_BR
mtd2-br.advisor.nameBarden, Júlia Elisabete-
mtd2-br.co-advisor.nameLaroque, Luís Fernando da Silva-
bdu.cnpq.areaCBpt_BR
bdu.contributor.evaluatorBarden, Júlia Elisabete-
bdu.contributor.evaluatorLaroque, Luís Fernando da Silva-
bdu.contributor.evaluatorMedeiros, Cassia Regina-
bdu.contributor.evaluatorRempel, Claudete-
bdu.contributor.evaluatorBagolin, Izete Pengo-
Appears in Collections:Ambiente e Desenvolvimento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015HeilaAntoniadasNevesRodrigues.pdf2,92 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons