Alunos de Arquitetura apresentam propostas para o Parque do Imigrante

Postado as 21/12/2018 16:25:09

Por Coordenadoria de Comunicação Social/Prefeitura de Lajeado

Estudantes do curso de Arquitetura e Urbanismo da Univates apresentaram para a Prefeitura de Lajeado e para a Associação Comercial e Industrial de Lajeado (ACIL) propostas para melhorias do Parque do Imigrante.

Os projetos foram apresentados durante encontro realizado na universidade, que contou com a presença do prefeito Marcelo Caumo, titulares da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Agricultura (Sedetag), André Bücker, e da Secretaria de Planejamento e Urbanismo (Seplan), Rafael Zanatta, do gerente da Acil, Antonio Juarez da Silva, do presidente da ExpoVale de 2018, Valmor Scapini, o presidente de 2020, Miguel Arenhart, acadêmicos do curso e professores.

Com o intuito de repensar as áreas do Parque e propor melhorias, o professor Alex Carvalho Brino contou que no início de 2018 foi realizada uma reunião na Univates com a comunidade e representantes da Acil e prefeitura, na qual foram apontados problemas a serem resolvidos naquele espaço público.

 

A partir daí, os alunos da disciplina de Projeto de Arquitetura VII, ministrada pelos professores Alex e Guilherme Osterkamp, foram provocados a fazer uma proposta de revitalização que analisasse o terreno, questões urbanísticas e que levassem em consideração as construções já existentes no Parque.

Algumas construções permaneceram no projeto mas o Parque recebeu uma montagem nova. Além disso, foi solicitado que os alunos imaginassem a execução em fases, visto que é bastante improvável que houvesse recursos para executar de uma vez só
Alex Carvalho Brino

 

As três propostas apresentadas sugeriram mudanças como pavilhões mais amplos, centro gastronômico, edifício garagem, mudança do acesso principal, espaço esportivo, espaço para patinação, auditório e incubadora tecnológica.

Segundo o titular da Seplan, Rafael Zanatta, as ideias dão uma dimensão do que pode ser feito no Parque. O próximo passo será analisar os projetos. "No decorrer de 2019 pretendemos realizar um estudo mais aprofundado do Parque para ver o que seria possível implementar", conta Rafael.

A acadêmica Tainá Manfredini, que apresentou um dos projetos, espera que as propostas apresentadas instiguem mudanças e melhorias no Parque do Imigrante. "Essas melhorias serão um ganho para a cidade e para a comunidade. Nosso objetivo é requalificar o equipamento urbano já existente e potencializar as atividades que já ocorrem, de modo que se tenha maior densidade de ocupação", explica Tainá.

Conheça os projetos:

Projeto apresentado pelos alunos Andriela Alba, Gabriela Wietholder, Francine Henz e Tainá Manfredini:

- Mantem os pavilhões 2 e 3
- Cria versão mais ampliada para o pavilhão 1
- Áreas exclusivas
- Construção de prédio para entidades
- Espaço pra reunião-almoço
- Auditório para 350 pessoas
- Ampla área aberta
- Vagas de estacionamentos
- Espaço esportivo
- Centro gastronômico

Projeto apresentado pelos alunos Eduardo Possamai, Gustavo Gorgen e Eloisa Caumo

- Mantém os pavilhões 2 e 3
- Nova versão para o pavilhão 1
- Amplia espaço da reunião-almoço
- Auditório para aproximadamente 600 pessoas
- Espaço para entidades
- Estacionamento para 700 carros, podendo chega até 1.500 carros (o local poderia ser disponibilizado para shows e eventos)
- Incubadora tecnológica

 Projeto apresentado pelos alunos Carlo Guerini, Moisés Fracalossi, Alberto Niomar Tiggemann e Silvia Regina Pedrotti

- Desconsidera todos os pavilhões existentes
- Muda a orientação dos prédios para facilitar a conexão com Parque Histórico de Lajeado
- Espaços pra restaurantes
- Áreas expositivas
- Ampla acessibilidade para implementação de equipamentos de maior porte