Palestra aborda o potencial da extensão no currículo e a inovação pedagógica

Postado as 12/06/2019 14:48:16

Por Nicole Morás

Bruna Laís Alves

A curricularização da extensão universitária e seu potencial para a inovação pedagógica foram abordados na palestra “Torcicolo Pedagógico: como curar a retrotopia na educação superior?”, proferida na última sexta-feira, 7, pelo doutor Adriano José Hertzog Vieira, diretor do Instituto Transdisciplinar de Formação Saber e Cuidar e assessor pedagógico da Reitoria da Universidade de Passo Fundo. A atividade integrou a programação do III Congresso Internacional de Ciência, Tecnologia e Conhecimento, realizado na Univates.

Na palestra, o professor traçou duas linhas de pensamento, uma voltada ao momento atual em que vivemos do retorno do artesanal e como isso está influenciando o processo de ensino e de aprendizagem e, consequentemente, os currículos. A outra linha de pensamento foi voltada à necessidade da experiência para o aprendizado.

Bruna Laís Alves

 

De acordo com a coordenadora pedagógica da extensão acadêmica da Univates, Merlin Diemer, “o professor trouxe a reflexão de que estamos em um momento de excesso de informação, destacando que a informação não gera experiência e não cria conhecimento”. Para contribuir com a explanação, também esteve presente o acadêmico de Psicologia da Universidade de Passo Fundo e extensionista Vinícius de Miranda, que falou sobre sua experiência e a importância da extensão na formação do estudante.

Saiba mais

Vieira é doutor e mestre em Educação e licenciado em Filosofia. Estuda temas como pensamento complexo e transdisciplinaridade, formação docente, aprendizagem, extensão, currículo e pedagogias inovadoras.