Elise Bozzetto

Feira Orgânica da Univates completa dois anos

Postado as 09/10/2019 14:27:12

Por Júlia Amaral

Desde outubro de 2017 a Univates promove a Feira Orgânica. Para celebrar os dois anos de estímulo à agroecologia dentro da Instituição, a feira da próxima quinta-feira, dia 10, terá programação especial. Ela acontecerá das 16h às 19h entre os Prédios 3 e 7 da Univates, como de costume, com degustação de produtos e presença de integrantes da Articulação Agroecológica do Vale do Taquari (AAVT).

A ideia de implantar o serviço na Univates surgiu nas reuniões da AAVT. Segundo o professor do Programa de Pós-Graduação em Sistemas Ambientais Sustentáveis da Univates Marlon Dalmoro, a construção de modelos agroalimentares mais sustentáveis e saudáveis é uma demanda no mundo todo. Para ele, ter um espaço como esse na Univates se justifica pelo grande número de pessoas que circulam no campus. “A Univates é acessível aos moradores dos bairros próximos. Por aqui circulam pessoas de diferentes cidades e, especialmente, pessoas que estão conscientes da necessidade de buscarmos modos de produção e de consumo de alimentos mais sustentáveis”, afirma.

Elise Bozzetto

 

Para Inácio Hardi Hammes, que participa desde a primeira edição, o seu papel enquanto feirante é conscientizar a população sobre a importância de consumir produtos orgânicos.  “A produção orgânica serve como um parâmetro para produzir alimentos saudáveis. A própria natureza nos oferece recursos para afugentar os insetos, o manejo do solo e até o cuidado com a água que se usa na irrigação”, explica. Inácio e sua família são de Arroio do Meio e ajudaram a elaborar o regulamento da feira. Além da Feira Orgânica da Univates, a família Hammes participa de feiras em Arroio do Meio e em Porto Alegre.

Na Univates, a feira é aberta à comunidade em geral e acontece todas as quintas-feiras. A comercialização segue o regulamento elaborado pelos integrantes da AAVT e implementado pela Comissão Gestora do serviço. Esse regimento estabelece que os feirantes devem ser produtores agroecologistas da região e estar vinculados a algum grupo de certificação de conformidade orgânica participativa. Isso significa que todos os produtos são orgânicos locais, de origem conhecida e com qualidade comprovada por Organismos de Avaliação de Conformidade (OAC). Atualmente participam da feira quatro grupos: dois de Arroio do Meio, um de Santa Clara do Sul e outro que envolve produtores de Lajeado e Cruzeiro do Sul.