A DÁDIVA DA SEMENTE: CONEXÕES DE SABERES ENTRE BRASIL E MOÇAMBIQUE

Eguimar Felício Chaveiro, Helsio Amiro Motany de Albuquerque Azevedo

Resumo


Como as atividades de conexões de saber podem contribuir para desenvolver uma consciência de solidariedade entre duas estruturas produtivas e sociais diferenciadas como é o cinturão verde do município de Inhambane (Moçambique) e o Cerrado goiano (Brasil)? Ao mesmo tempo poder-se-ia interrogar: como estudos dessa natureza poderão evitar futuros transtornos dos modelos que dilaceram a vida? – Os questionamentos apresentados são a problemática central deste trabalho, a partir do qual objetiva-se demonstrar e interpretar diferenças e similitudes entre Brasil e Moçambique com o intuito de identificar, a partir das experiências dos dois países em questão, a importância de se compartilhar saberes para contrapor o modelo de saber hegemônico gerador de vários efeitos deletérios à saúde humana; à preservação de espécies animais e vegetais, à convivência e à sociabilidade. O roteiro metodológico do artigo é complexo e resulta de pesquisa bibliográfica e documental, realização de trabalho de campo que privilegiou a observação não participante, aplicação de questionários, realização de entrevistas com atores chaves, incluindo a realização de workshops com as associações de agricultores. O pressuposto teórico conta com uma assertiva: há uma estreita ligação entre o sistema-mundo atual e o modelo de saber hegemônico, de onde advém a inferiorização de outras modalidades de saber. Isso se traduz numa estratégia de dominação do sistema produtivo – e de vida – pelas grandes corporações mundiais de negócios.

Palavras-chave


Conexões de saber. Dinâmica produtiva. Geopolítica dos saberes. Moçambique e Brasil

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22410/issn.1983-036X.v24i3a2017.1326

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Helsio Amiro Motany de Albuquerque Azevedo

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Tradução automática: