A FUNÇÃO DA EXPERIMENTAÇÃO NA PERCEPÇÃO DE PROFESSORES DE CIÊNCIAS E MATEMÁTICA

Lorita Aparecida Veloso Galle, Geisa da Silva Medeiros, Cristiano Centeno Specht

Resumo


A questão central desta pesquisa é: qual a função da experimentação no ensino de Ciências e Matemática na percepção de professores dessas áreas? Depoimentos de 16 professores de Ciências da Natureza e Matemática foram analisados por meio da Análise Textual Discursiva. Após a análise, emergiram duas categorias: Experimentação com a função de facilitadora da aprendizagem e Experimentação com a função viabilizadora da pesquisa em sala de aula. Os sujeitos apontaram a relevância da experimentação como complementação da aula expositiva, de forma que uma não substitua a outra e ambas sejam complementares. Compreende-se que o presente estudo possibilita a reflexão por parte dos docentes sobre atividades relativas à experimentação e à sua contribuição no âmbito da sala de aula.

Palavras-chave


Educação Básica; Experimentação no Ensino de Ciências e Matemática; Percepção de professores.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22410/issn.1983-0378.v41i1a2020.2473

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Lorita Aparecida Galle, Geisa da Silva Medeiros, Cristiano Centeno Specht

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Tradução automática: