BREVE REFLEXÃO SOBRE O CONCEITO DA COLOCAÇÃO, UM ESTUDO CONTRASTIVO DE USO: PORTUGUÊS-ÁRABE

Lahcen El Moutaqi

Resumo


Por percebemos que os estudantes demonstram uma certa preocupação ao enfrentarem um texto ou um diálogo, levantamos a hipótese de que a conscientização sobre a existência de um léxico composto por unidades maiores do que uma palavra, poderia ser um instrumento para minimizar essa preocupação, com vista à aprendizagem e aquisição da segunda língua. Para testar essa hipótese, foi feito um experimento na classe de aula de língua portuguesa para os estudantes árabes. O experimento baseou-se, principalmente, na observação do comportamento dos alunos diante da leitura de vários textos e diálogos com colocações referenciais - um tipo de unidade lexical maior do que uma palavra – e uma produção de textos, escritos em língua portuguesa, bem como o experimento sobre as colocações que levou um certo tempo para descrever a ideia principal. Tratando-se de um exercício realizado como um processo de aprendizagem em classe, frisando o papel da conscientização acerca dessas unidades lexicais, que poderiam melhorar a habilidade de leitura e aquisição, tendo em vista a minimizar a preocupação, diante do modo de aprendizagem das colocações portuguesas.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Lahcen El Moutaqi

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Tradução automática: