PRÁTICAS COMUNICACIONAIS, SENSIBILIZAÇÃO SOCIOAMBIENTAL E AS TESSITURAS DA CIDADANIA

Jane Márcia Mazzarino, Cristine Kaufmann

Resumo


O presente artigo objetiva discutir teoricamente o papel da comunicação na educação ambiental para a construção de práticas cidadãs. O intuito é contribuir na reflexão sobre o cenário atual, no qual se considera que a interação entre sociedade e meio ambiente é eminentemente um processo de comunicação. A ênfase do artigo recai sobre os processos mediados pelos meios de comunicação. Defende-se que as informações mediadas pelos meios de comunicação também devem ser pensadas e produzidas de forma complexa, para que expressem a interdependência entre os acontecimentos do mundo e as formas de cada um agir cotidianamente, para que, assim, cumpram sua função social de disseminar informações ambientais, de modo que seus profissionais se transformem em atores sociais decisivos na educação ambiental, contribuindo para que os receptores também se tornem sujeitos ativos nesse processo.

Palavras-chave


Comunicação. Educação ambiental. Cidadania.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Jane Márcia Mazzarino, Cristine Kaufmann

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Tradução automática: