Use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10737/558
Title: Estudo das enteroparasitoses correlacionando as condições sócio-econômicas e sanitárias de crianças que freqüentam escolas de educação infantil públicas e privadas do município de Lajeado- RS
Authors: Silveira, Noelí Fátima
Keywords: Enteroparasitoses;Crianças;Condições sanitárias;Condições sócio-econômicas
Issue Date: 2-Sep-2014
Abstract: Estudos populacionais em diferentes regiões do Brasil mostram freqüências diversas na ocorrência de parasitoses, que geralmente variam de acordo com as condições sócio-econômicas e sanitárias, principalmente em paises subdesenvolvidos. Foi realizado um estudo transversal com investigação parasitológica em 10% das crianças de 1 a 6 anos que freqüentam escolas púbicas e privadas em Lajeado (236 crianças), no período de agosto de 2007 a maio de 2008, das quais foram analisadas amostras de fezes utilizando a técnica de sedimentação por centrifugação. Este trabalho teve como objetivo avaliar a prevalência de enteroparasitoses nesta população, correlacionando com as condições sócio-econômicas e sanitárias das famílias. Obteve-se um índice de 7% de positividade representando um total de 17 amostras positivas, sendo que 55% destas foram de crianças de escolas públicas e 45% de escolas privadas. Os parasitos mais prevalentes foram Giardia lamblia (64,6%), Ascaris lumbricoides (11.7%), Trichuris trichiuria (11,7%), Entamoeba coli (6%) e Endolimax nana (6%). As conseqüências trazidas por essas doenças incluem a diminuição do desenvolvimento físico e do aproveitamento escolar em crianças, o agravamento de quadros de desnutrição, diarréia, má absorção da alimentação e anemias.
URI: http://hdl.handle.net/10737/558
Appears in Collections:Farmácia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2008NoeliFatimaSilveira.pdf976,96 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in BDU are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.