QUALIDADE DE VIDA NO TRABALHO: QUAL PERCEPÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS DE APOIO E TÉCNICO DE UMA ESCOLA ESTADUAL EM RONDONÓPOLIS?

Autores

  • Amanda Paula Lima Borges UFMT
  • Edir Vilmar Henig Universidade Federal de Mato Grosso.

DOI:

https://doi.org/10.22410/issn.1983-036X.v27i4a2020.2581

Palavras-chave:

Qualidade de Vida. Setor público. Teoria de Walton (1973).

Resumo

Uma das grandes preocupações do mundo corporativo contemporâneo é a qualidade de vida dos trabalhadores no ambiente laboral. Esta preocupação tem se deslocado também para o setor público, em suas várias categorias de serviços. A educação é um segmento de serviços públicos que merece atenção, sendo objeto de estudo, não apenas os professores, mas também os técnicos e demais profissionais de apoio educacional. Sendo assim, esta investigação se debruça em analisar as percepções dos servidores que ocupam os cargos de apoio administrativo educacional e técnico administrativo educacional qualitativamente, sobre Qualidade de Vida no Trabalho e em identificar se há a existência de um programa de QVT na unidade escolar Edith Pereira Barbosa. A teoria de Walton (1973) é a base que norteia esta pesquisa, e o questionário foi elaborado diante das oito dimensões apresentadas pelo autor. Os resultados apresentados foram em parte divididos entre as opiniões positivas e negativas a partir da percepção da teoria utilizada.

Biografia do Autor

Amanda Paula Lima Borges, UFMT

Graduada em Administração pela UFMT

Edir Vilmar Henig, Universidade Federal de Mato Grosso.

Doutor em Território, Risco e Políticas Públicas pela Universidade de Coimbra. Mestre em Política Social e Graduado em Administração pela Universidade Federal de Mato Grosso. Graduado em Ciências Contábeis pela Universidade de Cuiabá. Professor no Curso de Administração na Universidade Federal de Mato Grosso, Campus de Rondonópolis.

Downloads

Publicado

30-12-2020

Como Citar

BORGES, Amanda Paula Lima; HENIG, Edir Vilmar. QUALIDADE DE VIDA NO TRABALHO: QUAL PERCEPÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS DE APOIO E TÉCNICO DE UMA ESCOLA ESTADUAL EM RONDONÓPOLIS?. Revista Estudo & Debate, [S. l.], v. 27, n. 4, 2020. DOI: 10.22410/issn.1983-036X.v27i4a2020.2581. Disponível em: https://www.univates.br/revistas/index.php/estudoedebate/article/view/2581. Acesso em: 23 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos