GEOPOLÍTICA DOS RECURSOS NATURAIS ESTRATÉGICOS E O PAPEL DO ESTADO BRASILEIRO

Autores

  • Tathiane Marques Dorneles CEDEPLAR - Universidade Federal de Minas Gerais
  • Tailiny Ventura CEDEPLAR - Universidade Federal de Minas Gerais
  • Luz Marina Lopes Almeida CEDEPLAR - Universidade Federal de Minas Gerais

DOI:

https://doi.org/10.22410/issn.1983-036X.v28i4a2021.2925

Resumo

O controle e a gestão de recursos escassos são expressões contemporâneas da geopolítica global, na qual, a apropriação e a defesa de certas riquezas constituem um alicerce para a construção de um projeto nacional de desenvolvimento. Nesta perspectiva, este trabalho busca discutir a relação entre a geopolítica dos recursos estratégicos e o papel do Estado brasileiro na articulação e defesa dos interesses nacionais. A exploração destes recursos permitiu que o país obtivesse avanços em termos de geração de tecnologia e garantiu sua inserção competitiva no mercado mundial. Entretanto, estes mesmos recursos podem ser utilizados como ferramentas coercitivas e de pressão por Estados hegemônicos e suas corporações, criando desafios à posição do Brasil quanto ao controle e uso de suas riquezas naturais. Para discutir essas questões traçamos um panorama comparativo entre o pensamento estratégico brasileiro formal e o papel efetivo do governo na defesa dos interesses nacionais.

Biografia do Autor

Tathiane Marques Dorneles, CEDEPLAR - Universidade Federal de Minas Gerais

Economista, Mestra em Agronegócios, doutoranda em Economia pelo CEDEPLAR / UFMG

Tailiny Ventura, CEDEPLAR - Universidade Federal de Minas Gerais

Economista, Mestra em Desenvolvimento Econômico, doutoranda em Economia pelo CEDEPLAR / UFMG

Luz Marina Lopes Almeida, CEDEPLAR - Universidade Federal de Minas Gerais

Economista, Mestra em Economia, doutoranda em Economia pelo CEDEPLAR / UFMG

Downloads

Publicado

29-12-2021

Como Citar

DORNELES, Tathiane Marques; VENTURA, Tailiny; ALMEIDA, Luz Marina Lopes. GEOPOLÍTICA DOS RECURSOS NATURAIS ESTRATÉGICOS E O PAPEL DO ESTADO BRASILEIRO. Revista Estudo & Debate, [S. l.], v. 28, n. 4, 2021. DOI: 10.22410/issn.1983-036X.v28i4a2021.2925. Disponível em: https://www.univates.br/revistas/index.php/estudoedebate/article/view/2925. Acesso em: 23 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos