DESIGUALDADE DO ABASTECIMENTO DE ÁGUA NOS MUNICÍPIOS PERNAMBUCANOS PELO ÍNDICE DE THEIL-T

Autores

  • Angelo Antonio Paula da Cunha Universidade Federal de Pernambuco

DOI:

https://doi.org/10.22410/issn.1983-036X.v30i3a2023.3450

Palavras-chave:

Desigualdade, Abastecimento de Água, Índice de Theil-T, Pernambuco

Resumo

O fornecimento de água potável é um serviço público essencial para a população que encontra desafios na infraestrutura desigual, principalmente em áreas de maior vulnerabilidade social. Este estudo realiza uma decomposição do índice de Theil-T em dois níveis: Mesorregião e microrregião para a desigualdade existente no abastecimento de água nos municípios pernambucanos. Estima-se a decomposição entre e dentre, de acordo com a hierarquia geográfica, dos municípios do estado de Pernambuco. Entre os resultados, encontramos que a distribuição do abastecimento de água se tornou menos desigual em Pernambuco do que na mesorregião Metropolitana e sua microrregião Suape; que houve aumento da desigualdade em quatro mesorregiões e em 14 microrregiões; que as desigualdades são maiores entre microrregiões e dentre as mesorregiões, indicando que a infraestrutura do abastecimento precisa ser reforçada para melhor atender a população.

Biografia do Autor

Angelo Antonio Paula da Cunha, Universidade Federal de Pernambuco

Graduação em Ciências Econômicas pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) – Centro Acadêmico de Pernambuco (CAA) - (2016) Mestrado em Economia pela UFPE/CAA - (2019) e Doutorando em Economia pela UFPE

Downloads

Publicado

03-10-2023

Como Citar

CUNHA, Angelo Antonio Paula da. DESIGUALDADE DO ABASTECIMENTO DE ÁGUA NOS MUNICÍPIOS PERNAMBUCANOS PELO ÍNDICE DE THEIL-T. Revista Estudo & Debate, [S. l.], v. 30, n. 3, 2023. DOI: 10.22410/issn.1983-036X.v30i3a2023.3450. Disponível em: https://www.univates.br/revistas/index.php/estudoedebate/article/view/3450. Acesso em: 23 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos