03/12 Terça-feira

20h (60 min)

Livre para todos os públicos

Ingressos

Os ingressos são gratuitos e devem ser retirados na Bilheteria do Teatro Univates, de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h15min às 22h.  Quando o evento ocorrer em sábado, domingo ou feriado, a bilheteria abrirá duas horas antes do início da atividade. É permitida a retirada de até 5 ingressos por pessoa. 


Ao propor uma primeira incursão junto ao público infantil o Grupo de Teatro tem como matéria de trabalho a perda, a busca e a centralidade da figura do professor.
 
No ano em que completa 15 anos de atividades o Grupo de Teatro da Universidade do Vale do Taquari - Univates estreia sua primeira montagem infantil — alusiva aos 50 anos do Ensino Superior na região e às comemorações do cinquentenário da Instituição. 
 
O clima é da peça é lúdico, em uma história feita para pais e filhos. As temáticas abordadas de forma leve por meio da encenação são tratadas franca e suavemente.
 
O evento é uma das atividades da programação do Fim de Ano Univates em 2019. 
 
A sinopse
Duas crianças, Íris e Hélio, ingressam numa jornada à procura de algo importante que o pai da menina, o Senhor Nebuloso, perdeu. Pelo caminho, personagens inusitados são apresentados. Eles guardam respostas que podem ser reveladoras aos dois. 
 
Doutor Roberto das Dores é um médico especialista que cura todos os tipos de males. A excêntrica Madame Bendita, com o poder de revelar o futuro através das cartas
ciganas é outra personagem que cruza seu caminho com as crianças. Por fim, o famoso advogado Doutor Pomposo, tem a capacidade de ser guardião das respostas e de soluções para todas as encrencas. 
 
No entanto, apenas uma pessoa é a personagem certa e dona das respostas às questões de Íris e Hélio. E as respostas surgirão do lugar menos esperado, trazendo novos tons, sons e ânimo à vida dos dois. Esse é o momento de transformação de toda a ambientação cênica da peça. Para devolver ao Senhor Nebuloso o que ele tanto precisa encontrar, sua filha acabou se deparando com o próprio passado, com um livro, e uma história repleta de amor. 
 
Sob a ótica do diretor 
“Os desafios para compor esta montagem foram muitos”, explica o diretor Pablo Capalonga. “Um espetáculo infantil exige uma linguagem própria no que diz respeito à interpretação, composição, ritmo e estética. Não tínhamos tido esta experiência ainda nestes doze anos de formação como grupo. Mas é exatamente isto que nos torna um grupo de investigação: experimentar. Os ensaios e a pesquisa estão sendo realizados desde março, intercalando com apresentações de O Rouxinol e a Rosa”, explica.
 
O universo infantil atual é diferente de quando os adultos de hoje eram crianças. “As referências, a lógica e o ritmo mudaram. E precisamos levar tudo isto muito em conta se considerarmos que muitas crianças, hoje, dispõem de um celular nas mãos”, observa Capalonga. 
 
Este é um espetáculo para pais e filhos, e melhor ainda se fosse assistido por ambos, juntos. “Fala de perdas, do quanto é difícil para adultos e crianças tratarem do tema, e do quanto pode ser diferente a visão de cada um sobre tais questões. Tratamos com carinho o enredo e criativamente tentamos construir soluções para isto. O resultado pode ser conferido a partir da estreia”. 
 
Ficha técnica
“A Filha do Senhor Nebuloso” é um trabalho construído a muitas mãos. O texto para o palco, do diretor do grupo Pablo Capalonga, é uma livre adaptação de um texto homônimo escrito pelas estudantes do curso de Letras da Univates, Carolina Werlang e Camila Martins Fonseca, supervisionadas pela professora Rosiene Almeida Souza Haetinger. A ideia é publicar o texto sob forma de ebook em breve. Os figurinos são assinados por estudantes do curso de Design de Moda da Univates. 
 
Texto original: Carolina Werlang e Camila Martins Fonseca
Adaptação dramatúrgica: Pablo Capalonga
Elenco: Gustavo Muhl
             Ederson Winck
             Gabriela Quevedo
             Tatiana Linhares
             Luiz Henrique Picoli
             Mariana Dumcke
             Paula Frozza
             Ana Rhod
             Rodolfo Izaguirre
Figurinos: estudantes do curso Design de Moda da Univates
Iluminação: Evandro Mallmann e Anilton Souza
Identidade visual: Henrique Fernandes Vianna 
Edição de trilha e efeitos sonoros: Maurício Hergemöller
Cenário: Grupo de Teatro da Univates
Adereços: Ederson Winck, Tatiana Linhares e Cris Vitalino
Assessoramento literário: Rosiene Almeida Souza Haetinger
Direção: Pablo Capalonga
Produção geral: Núcleo de Cultura da Univates
 
Informações
Em caso de dúvidas sobre a apresentação, contate o Teatro Univates pelo telefone (51) 3714-7000, ramal 5949, ou pelo e-mail bilheteria@univates.br. 

 

Realização

Univates. 

Meia Entrada

A política de venda de ingressos com desconto pode ser conferida clicando abaixo.
POLÍTICA DE DESCONTOS

MAPA DE ASSENTOS

Última atualização: 11/10/2019 10:53:50