Pós-Graduação em Ensino de Ciências Exatas comemora 10 anos

Postado em 22/06/2017 10h07min

Por Ana Amélia Ritt

Neste ano o Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências Exatas (PPGECE) da Univates completa 10 anos. Para comemorar essa data, o mestrado oferece uma programação especial aos estudantes e seus mais de 120 diplomados.
 
“É um orgulho muito grande essa comemoração. Há 10 anos tivemos o desafio de implementar o curso de pós-graduação e agora juntamos nossos esforços para manter sua qualidade”, afirma a professora Miriam Marchi, que acompanha o curso desde o início. Miriam destaca a união dos professores no esforço em prol do mestrado.
 
Inicialmente regular, o programa também começou a oferecer o regime modular em 2011. A possibilidade fez com que estudantes de outros estados pudessem integrar o PPGECE, já que as aulas passaram a ser oferecidas em três semanas de janeiro e três de julho. Para se ter uma ideia, dos atuais 38 alunos matriculados, 27 são de fora do estado. 
 
A mestranda Marglis Rech iniciou o curso em janeiro deste ano e afirma estar satisfeita e envolvida com o Programa. “Estou feliz por ter escolhido a Univates para a realização desse sonho”, conta. Natural de Sobradinho, mas vivendo em Santa Cruz desde 1999, Marglis explica que escolheu o curso por ele aprofundar os conhecimentos na área de sua formação, Matemática Licenciatura. “Destaco a credibilidade do Centro Universitário e o bom desempenho desta instituição segundo avaliações nacionais. Além disso, são disponibilizados docentes com extensa produção e ótimas infraestrutura e proposta curricular”, garante.
 
O diplomado do curso Jefferson Nascimento é natural de Belém, Pará. “Interessei-me pelas linhas de pesquisas. Havia uma possibilidade de eu trabalhar na área de modelagem e simulação computacional voltada para o Ensino de Física, o que era o meu desejo na época”, explica sobre a escolha do curso. Nascimento conta que recentemente começou a trabalhar com modelagem computacional, faz doutorado em Salvador e que ganhou um prêmio de destaque científico da Rede TV do Pará. 
 
O PPGECE já passou por três modificações no currículo, sempre buscando a aproximação com o que o mercado exige. “Qual é o nosso campo de trabalho? Qual perfil de professor as escolas exigem?”, exemplifica Miriam. No segundo semestre deste ano a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) deve enviar mais uma avaliação do curso, que é realizada de quatro em quatro anos e refere-se ao período de 2013 a 2016. “Estamos aguardando o retorno da Capes para, a partir do retorno, realizar novas mudanças”, conta.
 
Comemoração especial
 
Alusivo ao aniversário, o curso promove uma programação especial. No dia 21 de julho, das 14h às 17h, haverá palestra com o professor Dr. Marco Antonio Moreira sobre “Importância dos mestrados profissionais e do Ensino em Ciências Exatas”. À noite, às 19h, quem coordena o momento é a professora Dra. Maira Ferreira, falando sobre “Formação de professores para o ensino de Ciências e Matemática”. Ambas as palestras ocorrem no auditório do Prédio 9.
 
No sábado, dia 22, às 8h30min, diplomados do mestrado participarão de uma mesa-redonda, momento seguido de coquetel, na sala 102 do Prédio 2.
 
As inscrições podem ser feitas de forma gratuita pelo site www.univates.br/sistemas/inscricoes/process-1148.
 
Texto: Ana Amélia Ritt
Neste ano o PPGECE comemora 10 anos.

Tuane Eggers

Professora Miriam March acompanha o curso desde o início.

Ana Amélia Ritt

A mestranda Marglis Rech iniciou o curso em janeiro deste ano e afirma estar satisfeita e envolvida com o Programa

Divulgação

Notícias Relacionadas