Use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10737/2617
Title: Incubadoras e empreendimentos incubados: avaliação de práticas ambientais
Authors: Santos, Sandra Mara dos  Lattes
Keywords: Meio ambiente;Incubadoras;Negócios com impacto social;Inovação;Práticas ambientais;Environment;Incubators;Social impact undertakings;Innovation;Environmental practices
Date of Defense: 27-Jun-2019
Issue Date: Aug-2019
Citation: SANTOS, Sandra Mara dos. "Incubadoras e empreendimentos incubados: avaliação de práticas ambientais". 2019. Dissertação (Mestrado) – Curso de Ambiente e Desenvolvimento, Universidade do Vale do Taquari - Univates, Lajeado, 27 jun. 2019. Disponível em: <http://hdl.handle.net/10737/2617>.
Abstract: As incubadoras surgem como articuladoras de ações voltadas para o desenvolvimento de políticas transformadoras entre universidade e a comunidade, por meio de ensino, pesquisa e extensão. Nesse sentido, faz-se necessário identificar meios para o desenvolvimento de tecnologias sociais inovadoras no meio acadêmico, contribuindo para geração de renda e melhoria da qualidade de vida das comunidades. O objetivo central da pesquisa consiste na avaliação de práticas ambientais desenvolvidas pela Incubadora de Empreendimentos Socioeconômicos, Solidários e Sustentáveis do Vale do Arinos (IESA), da Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT) e pela Incubadora Tecnológica da Universidade do Vale do Taquari (Tecnovates/Inovates), pertencente à Universidade do Vale do Taquari – Univates. No que se refere à metodologia, trata-se de um estudo multicaso, envolvendo 02 (duas) instituições de ensino, a saber: UNEMAT e Univates. A escolha dos casos analisados se deu com a finalidade de conhecer e descrever a atuação de incubadoras em diferentes contextos, social, estrutural e de atuação acadêmica, com foco em ações ambientais. Como técnicas de pesquisa, foram realizadas entrevistas com atores sociais envolvidos nos processos, tanto os empreendedores, quanto os profissionais que atuam na gestão das incubadoras. A análise foi realizada em uma perspectiva qualitativa e interpretativa. Os resultados apresentados demonstram que a incubadora IESA trabalha a perspectiva de práticas ambientais conforme as demandas existentes e não possui um planejamento referente às ações envolvidas com os empreendimentos incubados. Já a incubadora Inovates em relação às práticas ambientais, adota as normativas internas da Univates, que abrangem os requisitos necessários para o desenvolvimento de políticas internas sustentáveis. Em termos de resultados obtidos, a partir das percepções do estudo, as práticas ambientais na Piscicultura Santa Luzia referem-se à reciclagem de embalagens utilizadas e recuperação de área de preservação permanente (APP). O Instituto Munduruku busca reunir a comunidade indígena para conscientizar sobre a valorização da cultura indígena, coleta e conscientização sobre os resíduos sólidos na aldeia, bem como a preservação do meio ambiente. Já a empresa Químea Ambiental tem em seu portfólio ações de práticas ambientais sobre o tratamento de efluentes, redução do consumo de energia, reciclagem de materiais e compostagem de resíduos orgânicos. A empresa Ao Cubo trabalha com projetos que buscam desenvolver ações em empresas nas áreas sociais e ambientais. Por fim, os resultados deste estudo estão relacionados ao reconhecimento de projetos de valorização e preservação ambiental associado ao empreendedorismo.
The incubators show themselves as articulators of actions towards the development of transformation politics between university and community through education, research and extension. In this regard, it is necessary to identify means of developing innovative social technologies for the academic environment, contributing to the income generation and the improvement of the quality of life of the communities. The main objective of this study is to analyze the environmental practices developed by the Incubadora de Empreendimentos Socioeconômicos, Solidários e Sustentáveis do Vale do Arinos (IESA), of the Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT) and by the Incubadora Tecnológica da Universidade do Vale do Taquari (Tecnovates/Inovates), of the Universidade do Vale do Taquari – Univates. Regarding the methodoly, this is a multicase study involving 02 (two) education institutions, being: UNEMAT and Univates. The choosing of the analyzed cases was done with the purpose of knowing and describing the action of incubators in different contexts, social, structural and of academic action, focusing in the environmental actions. As research techniques, there were made interviews with social actors involved in the processes, such as entrepreneurs as well as professionals that act in the management of the incubators. The analysis was done in a qualitative and interpretative way. The results show that the incubator IESA works in a perspective of environmental practices according to the existing demands and does not have a planning relating to the actions involving incubated undertakings. In the case of the incubator Inovates, relating to the environmental practices, it adopts the internal normative of Univates, that cover the necessary requirements for the development of internal sustainable politics. In terms of obtained results, from the perceptions of the study, the environmental practices in the Piscicultura Santa Luzia relate to the recycling of the used packages and the recovery of the permanent preservation area (APP). The Institute Munduruku pursues to gather the indigenous community to raise awareness about the valorization of the indigenous culture, collecting and raising awareness about the solid waste of the village, as well as the preservation of the environment. The industry Químea Ambiental has in its portfolio actions of environmental practices about wastewater treatment, reduction in energy consumption, recycling of material and composting of organic waste. The industry Ao Cubo works with projects that seek to develop actions in industries in social and environmental areas. At last, the results of this study are related to the acknowledgment of projects of valorization and preservation of the environment associated to entrepreneurship.
URI: http://hdl.handle.net/10737/2617
Appears in Collections:Ambiente e Desenvolvimento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019SandraMaradosSantos.pdf1,58 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons