Use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10737/3014
Title: Análise do comportamento mecânico de concretos em situações de incêndio com a substituição parcial de cimento por cinza de casca de arroz
Authors: Paula, Sabrina de
Keywords: Cinza de casca de arroz;Resistência à compressão;Altas temperaturas
Date of Defense: 3-Dec-2020
Issue Date: Nov-2020
Citation: PAULA, Sabrina de. Análise do comportamento mecânico de concretos em situações de incêndio com a substituição parcial de cimento por cinza de casca de arroz. 2020. Monografia (Graduação em Engenharia Civil) – Universidade do Vale do Taquari - Univates, Lajeado, 03 dez. 2020. Disponível em: http://hdl.handle.net/10737/3014.
Abstract: A substituição do cimento por cinza de casca de arroz (CCA) é um método que vem sendo cada dia mais pesquisado e estudado, analisando-se suas principais melhorias nas propriedades do concreto a curto e a longo prazo. A CCA é um material pozolânico com grande potencial de substituição do cimento em concretos, por aumentar sua resistência mecânica e reduzir a porosidade, assim proporcionando uma maior durabilidade e vida útil. O principal objetivo deste estudo foi avaliar o comportamento mecânico de concretos convencionais com diferentes porcentagens de substituição do cimento por CCA sendo submetidos a situações de incêndio. Todos os materiais utilizados neste estudo passaram por ensaios de caracterização para determinar sua massa específica e granulometria, para que após isso pudesse ser realizada a dosagem do concreto. A CCA utilizada foi adquirida comercialmente, e foi aplicada em diferentes porcentagens de substituição do cimento, sendo elas 5%, 10% e 15%. Posteriormente, foram realizadas análises para determinar as melhorias que esta ocasionou nas características do concreto. Os diferentes traços passaram pelos ensaios de resistência à compressão aos 7, 21 e 28 dias e aos 28 dias foram submetidos ao forno mufla nas temperaturas de 100oC, 300oC e 400oC pelo tempo de 120 minutos para simulação em altas temperaturas, podendo assim ser avaliada qual a perda de resistência nessas condições, conforme o teor de substituição do cimento por CCA. Pôde-se perceber que as resistências dos concretos referência e com 5% de CCA ficaram semelhantes. Quando submetido a elevadas temperaturas, o concreto com 5% de CCA obteve resultados similares ao concreto sem substituição. Além disso, os resultados de absorção de água e índice de vazios demonstram que o concreto sem substituição obteve menores valores para estas propriedades. Por isso, pode-se concluir que o concreto com substituição de 5% comportou-se de forma similar ao concreto referência.
URI: http://hdl.handle.net/10737/3014
Appears in Collections:Engenharia Civil

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2020SabrinadePaula.pdf3,9 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons