MEMÓRIAS DE LÍNGUA PORTUGUESA NO ENSINO TÉCNICO PROFISSIONALIZANTE

Autores

  • Marco Aurélio Decker Universidade do Vale do Taquari - Univates
  • Adriana Magedanz

DOI:

https://doi.org/10.22410/issn.1983-0378.v39i1a2018.1706

Palavras-chave:

Ensino, aprendizagem significativa, memórias

Resumo

Este trabalho, que teve como objetivo principal melhor compreender o processo de ensino e de aprendizagem dos alunos na educação profissional, considerando as memórias já aprendidas sobre as regras da língua materna no período escolar e a sua aplicabilidade em construções textuais técnicas, foi desenvolvido no semestre A/2017, com uma turma do curso técnico em Enfermagem do Centro de Educação Profissional (CEP) da Universidade do Vale do Taquari (UNIVATES). Buscou-se verificar como as memórias sobre a Língua Portuguesa favorecem a aprendizagem dos alunos no nível técnico e quais as maiores dificuldades encontradas. A pesquisa, caracterizada como um estudo de caso, teve uma abordagem qualitativa. Para isso, foi realizado um questionário aberto, com análise de conteúdo a partir da categorização dos dados produzidos. A investigação apontou as dificuldades de muitos alunos em acompanhar as exigências do ensino da Língua Portuguesa no nível técnico, principalmente por terem memórias fracas sobre as regras gramaticais. Os resultados alcançados permitem conjecturar que, possivelmente, só conseguem acumular boas memórias sobre a língua materna aqueles que se dedicam e se esforçam em, de fato, apreender conceitos e regras.

Biografia do Autor

Marco Aurélio Decker, Universidade do Vale do Taquari - Univates

Cursos Técnicos - Área da Educação

Downloads

Publicado

23-07-2018

Como Citar

DECKER, Marco Aurélio; MAGEDANZ, Adriana. MEMÓRIAS DE LÍNGUA PORTUGUESA NO ENSINO TÉCNICO PROFISSIONALIZANTE. Revista Signos, [S. l.], v. 39, n. 1, 2018. DOI: 10.22410/issn.1983-0378.v39i1a2018.1706. Disponível em: https://www.univates.br/revistas/index.php/signos/article/view/1706. Acesso em: 13 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos