Conteúdo Digital Design Exatas Mercado de Trabalho

Com quantas profissões se faz um game?

Postado por Lais Pontin Matos

compartilhe

➡ Talvez não saibamos afirmar quantos pauzinhos são necessários para a construção de uma canoa, mas podemos garantir que, depois de batermos um papo com o professor da Univates Fabrício Pretto, acabamos descobrindo cinco profissões envolvidas no desenvolvimento de games. Engana-se (redonda, quadrada e triangularmente) quem acredita que as únicas pessoas empenhadas no processo de elaboração de games são os engenheiros da computação. Lendo o post de hoje, você vai conhecer outros profissionais que também ajudam a prover sua diversão diária e entender como, em algum momento da história, a união fez, além da força, o Minecraft 🤣.

Como funciona o processo de criação de jogos eletrônicos? 🎮

Divulgação/Pexels

 

Conforme comenta Pretto, pensar que a elaboração de games exige apenas contribuições de uma única área profissional é um grande equívoco.

As pessoas em geral tendem a pensar que, para desenvolver um game, basta saber programar. Fazer com que os objetos se movam e interajam com os usuários, além de prover a infraestrutura das plataformas, é uma das funções dos engenheiros da computação, mas existem pessoas de outras profissões que também se envolvem nos processos de criação
Fabrício Pretto, professor da Univates

Conheça cinco profissionais que trabalham duro para garantir seu entretenimento 🎮

1) Designer de games 💡

Divulgação/Vince Bucci/Nintendo AP

O japonês Katsuya (Ka o que, meu Brasil brasileiro?) Eguchi é um dos designers de games mais respeitados da Nintendo. Em 34 anos de profissão, ele conseguiu criar e dirigir franquias (como, por exemplo, a do Super Mario World) que conquistaram o coraçãozinho de muitos players mundo afora. Se você decidir seguir uma carreira como a de Eguchi, será responsável pela elaboração das principais regras e ideias de games e, quem sabe, poderá vir a trabalhar na Big N algum dia. No final das contas, sonhar grande dá o mesmo trabalho que sonhar pequeno, não é?

2) Programador ⌨

Divulgação/Getty Images for All in WA

Talvez seu destino seja se tornar o próximo Bill Gates do mundo moderno. Pense na responsa! Como adiantado por Pretto, os engenheiros da computação e de software que trabalham no desenvolvimento de games são responsáveis por codificar ideias, criar e manter a infraestrutura, fazendo com que, por exemplo, os objetos se movam e interajam com os usuários. De acordo com informações do site Jobbydoo, o salário máximo de profissionais da área pode exceder R$ 16.000 mensais. Ah, e sem contar que, atuando somente no ramo de games, suas chances de arrumar tretas desnecessárias com o Steve Jobs do futuro diminuem muito... 🤣

3) Ilustrador/artista gráfico 🎨

Divulgação/Etec Carapicuíba

Já ouviu falar do trabalho de Rodrigo Pascoal, um ilustrador brasileiro que teve um de seus desenhos publicado em um artbook da Capcom (veja a imagem abaixo)? Pois é, meu amigo, os dias de glória podem até demorar a chegar, mas quando chegam… Como artista gráfico de uma empresa de games, você irá elaborar as ilustrações (de, por exemplo, pôsteres, banners, wallpapers e logotipos) que servirão para promover os jogos no mercado.

Divulgação/Rodrigo Pascoal/Capcom

Revelações: o Blanka, de Street Fighter, nasceu no Brasil e parece que torce pelo Corinthians…

4) Produtor musical ♫

Divulgação/Pexels

Os produtores musicais racham a cuca pensando nas canções que podem ser incluídas nos games a fim de despertar as emoções dos usuários. Apesar de parecer um detalhezinho bobo à primeira vista, a escolha ou criação de uma trilha sonora que seja capaz de se adequar ao contexto do game é muito (MAS MUITO MESMO) importante. Está para nascer um player que se sinta confortável matando zumbis ao som de Happy, do Pharell Williams, concorda? 🤣

5) Testador 🖥

Divulgação/Pexels

Os testadores de games são pessoas privilegiadas que jogam os jogos antes do público para checar se tudo está funcionando bem. Quanto mais entendimento técnico os profissionais tiverem, melhor: não há como, por exemplo, detectar um bug sem conhecer todas as suas formas de apresentação. E você aí pensando que esse tipo de job exigia apenas um sofazão confortável, uma smart TV de 50 polegadas e um balde de pipocas, não é, malandrinho? Tsc, tsc, sabe de nada, inocente!

Quais cursos de graduação você deve fazer para trabalhar desenvolvendo games? 🎓

Conheça três graduações que irão habilitá-lo para o desenvolvimento de games

1) Engenharia da Computação

2) Engenharia de Software

3) Design

E-book

[E-BOOK] Por que estudar na Univates?

Receba este e-book gratuitamente.

quero esse e-book
Fale com a gente