Univates reuniu intercambistas de 2019/A para encontro de despedida

Postado as 02/07/2019 16:10:07

Por Lais Pontin Matos

 

Vinte e seis dos trinta e três estudantes estrangeiros que realizaram intercâmbio acadêmico na Universidade do Vale do Taquari - Univates neste semestre reuniram-se, na tarde de segunda-feira, primeiro de julho, para um encontro de despedida. A atividade foi promovida pela Diretoria de Relações Internacionais (DRI) e contou com a presença do vice-reitor, Carlos Cyrne, da Diretora de Relações Internacionais, Viviane Bischoff, de alguns diretores de centros e coordenadores de cursos da Instituição. 

A atividade buscou integrar os intercambistas vindos de cinco diferentes países - Colômbia, Argentina, Peru, México e Portugal - numa retrospectiva alusiva à experiência internacional. O encontro marcou o fim do semestre letivo para estudantes estrangeiros e encerrou com entrega de certificados e abertura de cápsulas do tempo.

Lais Pontin Matos

Logo no início da reunião, Viviane deu boas-vindas aos presentes e, dirigindo-se ao grupo de intercambistas, destacou que a Universidade preocupa-se sempre em realizar uma avaliação da experiência internacional dos estudantes. “Queremos, neste encontro, receber um feedback acerca das vivências que vocês tiveram. Gostaríamos de saber o que a Univates representou durante o intercâmbio. O compartilhamento de informações possibilita que a equipe da DRI prepare e aperfeiçoe os próximos semestres para os novos grupos de alunos que estudarão aqui”.

O vice-reitor da Univates relembrou o dia da chegada dos intercambistas à Instituição, em fevereiro de 2019. “Naquela oportunidade, nós agradecemos vocês por nos escolherem. Durante cinco meses, pudemos ensinar e aprender todos juntos. Imagino que, ao longo desse período conosco, vocês tenham conseguido absorver muitos conhecimentos, dentro e fora de sala de aula. A possibilidade de interação com pessoas de várias partes do mundo é sempre proveitosa. Como Universidade, esperamos ter atendido às expectativas”.

Como solicitado, os intercambistas compartilharam as experiências que tiveram na Univates e no Brasil. A infraestrutura da Instituição foi muito elogiada. Alguns estudantes afirmaram que suas universidades de origem não contam com tantos recursos tecnológicos, realidade que, às vezes, acaba limitando a aprendizagem. Outros alunos, ao mencionarem a cidade de Lajeado, comentaram que mesmo um município relativamente pequeno pode oferecer opções interessantes de lazer e entretenimento. Os intercambistas ressaltaram a amabilidade e a simpatia dos brasileiros, confirmando que sempre receberam ajuda e apoio quando necessário.

Lais Pontin Matos

Entrega de certificados e abertura de cápsulas do tempo

Após as considerações dos estudantes sobre suas experiências em terra estrangeira, Viviane solicitou aos diretores de centros e coordenadores de cursos da Instituição para entregar certificados de conclusão do período de intercâmbio aos alunos internacionais.

Lais Pontin Matos

 

Para o diretor do Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas (Cetec), Daniel Neutzling Lehn, a Univates deve seguir fomentando seus programas de intercâmbio. “Hoje tivemos um momento de troca muito importante que beneficiou a todos. Torço para que a Universidade continue mantendo laços com instituições estrangeiras, para possibilitar cada vez mais a internacionalização de estudantes”.

 

Após a entrega de certificados, representantes da DRI exibiram um vídeo que recordou momentos vividos pelos intercambistas desde o dia em que eles chegaram ao Brasil.

 

Em seguida os estudantes estrangeiros abriram as cápsulas do tempo que receberam no início do intercâmbio. Em folhas de papel, os alunos listaram as expectativas e os anseios que tinham em relação à experiência internacional e depositaram as mensagens em uma caixa. Passados cinco meses de vivências no Brasil, foi hora de reler os escritos e confirmar ou não a realização deles.