Participantes do Projeto Rondon embarcam rumo ao Piauí

Postado as 10/07/2019 17:21:45

Por Vinicius Mallmann

Vinicius Mallmann

O embarque para mais uma operação do Projeto Rondon de que a Univates participa tem data marcada. Os rondonistas saem de Lajeado na próxima sexta-feira, 12 de julho, às 2h da manhã, rumo ao aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre. A chegada em Teresina, capital do Piauí, onde a equipe ficará hospedada no 25° Batalhão de Caçadores, está prevista para o meio-dia.

As atividades em Teresina iniciam-se neste final de semana, quando ocorre a abertura oficial do projeto com apresentação das universidades participantes. No domingo, os rondonistas da Univates partem, juntamente com o grupo da Universidade Federal da Grande Dourados, para a cidade de Arraial, onde serão realizadas as atividades da operação João de Barro.

Lucas Oliveira Villela

Isabel Kristiner, 23, cursa Engenharia Civil e faz parte da equipe de rondonistas da Univates. Ela conta sobre suas expectativas ao participar do projeto: “Creio que será uma experiência incrível. Lá teremos a oportunidade de compartilhar e construir novos saberes. A integração entre as culturas é muito importante em um país tão diferente culturalmente. Será um momento de muito aprendizado para todos nós.” Isabel ainda comenta como surgiu o interesse em participar do projeto. “Desde cedo tenho vontade de ajudar outras pessoas. Foi o que mais me motivou a participar do Rondon.”

Além de apresentar a cultura gaúcha, os rondonistas da Univates ainda irão promover e dirigir diversas oficinas. “Dentre as principais atividades que iremos realizar na viagem estão oficinas de uso racional da água, auxílio na elaboração de currículos, além de atividades sobre empreendedorismo e cooperativismo”, comenta Isabel.

O retorno a Teresina será no dia 26, ficando os rondonistas no Batalhão por mais dois dias. Nesse período ocorrerá o encerramento do projeto, juntando as 21 universidades participantes de todo o Brasil.

Os estudantes da Univates selecionados para a operação fazem parte de sete cursos: Sofia Dresch (Direito), Lucas Oliveira Villela (Publicidade e Propaganda), Isabel Kristiner (Engenharia Civil), Kétlin Fernanda Rodrigues (Ciências Biológicas - Licenciatura), Uliana Liége Deves (Farmácia), Nicoli Beatriz Müller (Arquitetura e Urbanismo), Maria Eduarda Ferreira de Andrade (Odontologia) e Eduardo Dallazen (Medicina). Os professores Luís César de Castro e Carla Kauffmann coordenam as atividades e acompanham o grupo durante as atividades da operação.

Saiba mais sobre o Rondon

O Projeto Rondon tem o propósito de reunir esforços para contribuir com o desenvolvimento sustentável de comunidades carentes e ampliar o bem-estar da população. As ações são realizadas em regiões prioritárias de atuação que necessitam de maior aporte de bens e serviços. Por essa razão, a Diretriz Estratégica do Projeto prioriza as regiões Norte e Nordeste do Brasil.

Em termos gerais, o Projeto Rondon objetiva contribuir para a formação do universitário como cidadão, integrá-lo ao processo de desenvolvimento nacional, por meio de ações participativas sobre a realidade do país, consolidar o sentido de responsabilidade social e estimular no universitário a produção de projetos coletivos locais, em parceria com as comunidades assistidas.