Em busca de novos desafios, 38 alunos da Univates realizarão intercâmbio acadêmico em 2020A

Postado as 12/12/2019 14:11:42

Por Redação

 

Em 2020A 38 estudantes embarcarão para dez países em busca das mais variadas descobertas: compartilhar moradia, conhecer novas culturas, aprender a “se virar” sem a família, conviver com a solidão em alguns momentos, desbravar novos lugares, entre outras. Ainda, todos têm um objetivo em comum: estudar e aprimorar os conhecimentos do seu curso em uma das mais de 60 instituições, de diversos continentes, conveniadas com a Univates.

Floane Rahmeier da Silva

 

Como parte do processo de preparação para essa nova jornada, no dia 11 de dezembro a Diretoria de Relações Internacionais (DRI) da Univates realizou reunião com os familiares desses jovens. O encontro teve o intuito de esclarecer aos presentes o papel da Univates no intercâmbio acadêmico, discutir a importância da experiência na vida acadêmica, pessoal e profissional do estudante, bem como sanar possíveis dúvidas.

Durante a reunião, a pró-reitora de Ensino, professora Fernanda Storck Pinheiro, tranquilizou os pais dizendo que seus filhos estarão em boas mãos, reforçando que se trata de “uma experiência única. É um aprendizado que não podemos delimitar, pois é um aprendizado de vida e uma experiência que ninguém tira do currículo”. Pediu ainda que os alunos que realizarão intercâmbio falem sobre o Vale do Taquari e a Univates em seus destinos, para que a imagem que os estrangeiros têm de um Brasil violento possa ser desmistificada, estimulando que alunos estrangeiros tenham interesse de conhecer a região e estudar aqui assim como os estudantes da Univates irão conhecer novos horizontes.

Floane Rahmeier da Silva

A prova de que o intercâmbio acadêmico é uma experiência engrandecedora e inesquecível vem de Larissa Mallmann, aluna do curso de Gestão Financeira e egressa do curso de Ciências Contábeis, que fará seu segundo intercâmbio pela Instituição. Para ela, “o intercâmbio é uma experiência de vida incrível. Faz você sair da zona de conforto para enfrentar novos desafios, como morar em outro país, estudar em outra instituição, e vivenciar diversas culturas. Graças a uma alteração nos editais, terei a oportunidade de realizar mais uma vez o intercâmbio e representar a Univates no exterior novamente, o que me deixa muito feliz”.

A diretora de Relações Internacionais, professora Viviane Bischoff, respondeu aos questionamentos que surgiram ao longo do encontro e agradeceu aos familiares pela confiança e apoio, tanto financeiro quanto emocional, que são tão importantes durante a realização do intercâmbio acadêmico do aluno, pois sabe-se que é um evento que envolve todo o núcleo familiar e muda a rotina de todos. Por fim, reforçou que a Univates, por meio da DRI, estará sempre à disposição para auxiliar os alunos e familiares no que estiver ao seu alcance.

Da esquerda pra direita: Ana Caroline, Lucas e Jenifer

Floane Rahmeier da Silva

 

Dos quase 40 alunos que farão intercâmbio, três foram contemplados com as bolsas Ibero-Americanas do Santander, disponibilizadas por meio de convênio entre o Banco Santander e a Univates. Jennifer Baggio Cover, do curso de Relações Internacionais, e Lucas Nicolino Barreto de Padua, do curso de Direito, vão para a Espanha estudar na Universidade de Santiago de Compostela e a estudante Ana Caroline Ziem, do curso de Engenharia Civil, vai para a Universidad Autónoma de Chihuahua, no México. Ana Caroline acredita que será “uma experiência engrandecedora, que me impus ao medo de arriscar e que de fato, irá mudar minha vida para melhor. Será uma vivência desafiadora: nova cultura, novo idioma, novos professores, e como resultante, será alcançar um diferencial que irá potencializar tanto minha vida pessoal como a profissional”.