Estudantes do curso de Educação Física - bacharelado confeccionam almofada para pacientes com Covid-19

Postado as 29/06/2020 14:06:39

Por Lais Pontin Matos

Kevin Inácio Becker Grunevald

 

Matriculados na disciplina Projeto Integrador: Ciência do Movimento Humano, 14 estudantes do curso de Educação Física - bacharelado da Universidade do Vale do Taquari - Univates confeccionaram uma almofada para pacientes internados na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de Covid-19 do Hospital Bruno Born (HBB), localizado em Lajeado. Os alunos produziram o apoio facial com a orientação do professor Marcos Minoru Otsuka. 

 

 

Minoru explica que a demanda surgiu com o pedido de um médico do Hospital Bruno Born. “Recebi uma ligação do Lucas Mallmann, que é o supervisor-chefe da UTI de Covid-19. Ele me explicou que, por estarem em posição prona (deitados de bruços sobre o abdômem, com a cabeça virada para um dos lados) durante parte do período de internação, os pacientes apresentavam alguns hematomas no rosto. O cenário exigia que pensássemos em uma solução capaz de amenizar esse tipo de desconforto”, relata.

Depois de conversar com Mallmann, Minoru levou o pedido do médico aos alunos de uma das disciplinas que ministra na Univates. A turma logo começou a pensar em alternativas que seriam úteis para melhorar a situação dos pacientes. “Foi aí que cogitamos a ideia de confeccionar uma almofada. Produzimos um protótipo para teste e uma pessoa internada na UTI de Covid-19 do hospital pôde utilizá-lo”, diz o professor. O docente acrescenta que, após receber considerações sobre o apoio facial feito de forma experimental, ele e os estudantes partiram para a segunda fase do projeto, que prevê a confecção aprimorada de mais unidades da almofada.

Benefícios

Minoru comenta que, antes da confecção da almofada, os estudantes da disciplina realizaram pesquisa para entenderem melhor as características de apoios faciais já existentes no mercado. “Essa busca de informações foi muito importante. Como os pacientes de Covid-19 estão intubados e precisam ser trocados de posição a cada duas horas, tínhamos que nos inteirar sobre soluções que pudessem facilitar o manejo desses indivíduos”, explica.

O docente enfatiza que a confecção da almofada também trouxe benefícios aos alunos da disciplina Projeto Integrador: Ciência do Movimento Humano. "Durante a produção do apoio facial, os estudantes tiveram a oportunidade de utilizar conhecimentos das áreas de biomecânica e cinesiologia de forma concreta. Para eles, o desafio consistiu em pensar em como poderiam aplicar certas relações biomecânicas na construção de uma almofada para pacientes de Covid-19 internados na UTI", assinala Minoru.

Kevin Inácio Becker Grunevald foi um dos 14 estudantes que ajudaram a confeccionar a almofada. O acadêmico, que está no segundo semestre do curso, conta que se sentiu desafiado pela atividade. “Sou praticamente um calouro na Universidade e fico muito feliz pelo fato de já ter podido aplicar os conhecimentos adquiridos em sala de aula. Produzindo o apoio facial, consegui entender mais claramente, por exemplo, questões relacionadas ao movimento do corpo humano”, acrescenta. 

O estudante não esconde o sentimento de gratidão que sente ao poder colaborar para o bem-estar do próximo em uma época de pandemia. “Saber que estou auxiliando alguém que foi diretamente infectado pelo novo coronavírus faz com que eu tenha vontade de me dedicar ainda mais ao projeto. O desejo de ajudar as pessoas em um momento como o que estamos enfrentando está sempre presente, mas, às vezes, precisamos de um empurrãozinho para, de fato, conseguirmos concretizá-lo”, reflete o acadêmico.

O projeto contou com o apoio das empresas Sonoplus (Teutônia) e Ortobom (Estrela), que doaram materiais para a confecção da almofada.

Inscrições abertas

Os cursos de Educação Física - bacharelado e licenciatura - são duas opções entre os 35 cursos de graduação presenciais oferecidos pela Univates. Na modalidade a distância são ofertados 18 cursos, entre bacharelados, licenciaturas e superiores de tecnologia.

Para participar, os candidatos podem se inscrever gratuitamente no vestibular, que está sendo realizado de forma on-line, em www.univates.br/vestibular. Se aprovado, pode realizar sua matrícula de forma on-line em univates.br/startunivates.

Kevin Inácio Becker Grunevald

Kevin Inácio Becker Grunevald

Kevin Inácio Becker Grunevald

Kevin Inácio Becker Grunevald

Kevin Inácio Becker Grunevald

Kevin Inácio Becker Grunevald