Teatro Univates recebe cerimônia de formatura do Proerd

Postado em 11/07/2018 16h21min e atualizado em 11/07/2018 17h27min

Por Nicole Morás

Nicole Morás

Quase 300 crianças, de 11 escolas estaduais e municipais de Lajeado, firmaram um compromisso com a sociedade lajeadense no combate às drogas e à violência. O juramento fez parte da cerimônia de formatura do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd), realizada no Teatro Univates nesta quarta-feira, 11.

No evento, a melhor redação de cada turma participante do programa foi premiada. Os textos foram produzidos ao final do Programa e retratam o que os alunos aprenderam com as atividades do Proerd. De todas as produções, a estudante Zaida Barboza recebeu a distinção de melhor redação por contar como o Programa lhe possibilitou enfrentar sua história pessoal de abandono em função das drogas.

Nicole Morás

 

Da Escola Estadual de Ensino Fundamental Moisés Cândido Veloso, Leonardo Duarte foi um dos estudantes a participar. “Foi muito legal. Falamos sobre prevenção às drogas e bullying”, exemplificou ele, que na cerimônia estava acompanhado da mãe Neiva. Para ela, o Programa é muito bom, pois leva os assuntos abordados na escola para o círculo familiar e também para as relações de amizade. “O Leonardo chegava em casa contando como havia sido a atividade do dia e levava informações para a gente. Ele falou sobre a importância de se relacionarem com pessoas em quem confiam e que o Proerd é uma programa de prevenção, para que futuramente as crianças que participam não entrem no mundo das drogas”, afirmou.

De acordo com o Tenente Coronel Luís Marcelo Gonçalves Maya, o Proerd é o maior e mais importante programa de prevenção da Brigada Militar. “Queremos protegê-los e a seus familiares do mal da criminalidade e das drogas. A partir de hoje, o compromisso que vocês assumem com a sociedade vai acompanhá-los pelo resto das suas vidas”, disse ele aos pequenos formandos. Segundo Maya, programas assim são importantes uma vez que cerca de 70% dos homicídios cometidos em Lajeado são relacionados à venda ou consumo de drogas.

Nicole Morás

Durante a formatura, a Soldado Juliana Goldmeier foi homenageada pelas atividades prestadas com vistas à realização do Programa. Na foto, o o Tenente Coronel Luís Marcelo Gonçalves Maya, a estudante Zaida Barboza e a Soldado Juliana Goldmeier.