Detalhes do Projeto de Pesquisa

Indicadores de gestão em sistemas produtivos agroalimentares (Gestão da demanda hídrica em sistemas produtivos agroalimentares do Vale do Taquari/RS)


Coordenação: Prof. Dr. Carlos Cândido da Silva Cyrne

Pesquisador(a):

Prof. Dr. Guilherme Garcia de Oliveira
Prof. Dra. Júlia Elisabete Barden
Prof. Dra. Fernanda Wiebusch Sindelar 


Bolsistas:

Chantréli Cristine Schneider
Gabriele de Oliveira


Fontes Financiadoras:

Univates


Resumo:

É conhecida a importância do agronegócio na economia brasileira e seus impactos na geração de empregos e distribuição de renda. Atualmente, o agronegócio é responsável por cerca de 40% do Produto Interno Bruto do país, estima­se que cerca de 35% da população economicamente ativa esteja desenvolvendo suas atividades no agronegócio, fato que se repete no Vale do Taquari. A região do Vale do Taquari (VT), localizada na região central do Rio Grande do Sul (RS), representa aproximadamente 3% da população do RS e em relação aos aspectos econômicos, em 2008, o VT possuía um PIB que representava 3,10% do RS. Em termos de Valor Adicionado Bruto ? VAB (2009) 51,85% era formado no setor de serviços, 13,48% no setor da agropecuária, 34,67% na indústria de transformação. As atividades desenvolvidas no setor primário estão alicerçadas na pequena produção rural e concomitantemente há parcela significativa da indústria de transformação formada por agroindústrias, cujas atividades desenvolvem-se a partir da matéria-prima oriunda do setor primário. Neste contexto, compreender o funcionamento dos sistemas agroalimentares reveste-se de importância, sendo assim pesquisa propõe-se atuar, em uma primeira fase, junto a dois dos elos da cadeia produtiva: os produtores e a indústria de suínos e de aves, mesmo sabendo que não há como desconsiderar a ótica do pensamento sistêmico, no qual está presente a lógica do sistema aberto, que interage com o meio, afetando e sendo afetado, recebendo inputs e gerando outputs. De outro lado tem-se os recursos hídricos que são estratégicos para o funcionamento dos sistemas agroalimentares dentro das cadeias de suínos e aves, sendo importante destacar que embora o Brasil disponha de significativa reserva hídrica esta apresenta, diferenças regionais significativas em virtude da variabilidade climática natural e antrópica. No Rio Grande do Sul, o setor agroalimentar é o maior consumidor de água, correspondendo a mais de 90% do consumo em muitas bacias hidrográficas do Estado, sendo assim a pesquisa tem como objetivo analisar e propor medidas para a otimização da gestão da demanda hídrica em sistemas de produção agroalimentar, no segmento de carnes, no Vale do Taquari/RS, de modo geral, almeja contribuir com a mitigação da demanda hídrica em sistemas agroalimentares, na produção primária e industrial, de carnes de aves e suínos no Vale do Taquari.